Loja da Tesla é atingida por possível incêndio criminoso

1 min de leitura
Imagem de: Loja da Tesla é atingida por possível incêndio criminoso
Imagem: Reprodução
Avatar do autor

Nesta madrugada (20), um incêndio foi reportado em uma loja da Tesla na cidade de Malmo, Suécia, e destruiu sete ou oito veículos da marca espalhados pela área, de acordo com Magnus Köhlin, líder de resgate do Rescue Service South. Autoridades investigam a hipótese de ação criminosa.

Segundo os oficiais, os esforços foram concentrados para conter o fogo dos carros em chama mais próximos das instalações para que ele não se espalhasse e comprometesse a estrutura no geral.

Ainda assim, diversas unidades foram completamente perdidas, e, oficialmente, a causa permanece desconhecida.

Outros casos

No ano passado, na Alemanha, um proprietário de um Tesla Model X passou pelo mesmo, acreditando ter sido vítima do que considerava ataque ódio contra a fabricante. Já em 2018, em Amsterdã, Holanda, dois veículos estacionados a mais de 90 metros um do outro também foram incendiados. As motivações continuam um mistério.

O portal Electrek aponta relatos de diversos casos de vandalismo, mas poucos tão violentos como esses, e que esta não é a primeira vez que algo do tipo ocorre com a loja sueca, pois, em 2017, ela foi tomada por chamas iniciadas dentro do prédio e em um compartimento de serviços, destruindo diversos carros.

Na época, intenções criminosas foram descartadas.

Leia também:

Loja da Tesla é atingida por possível incêndio criminoso