Mercedes planeja sedã elétrico para concorrer com Tesla e Porsche

1 min de leitura
Imagem de: Mercedes planeja sedã elétrico para concorrer com Tesla e Porsche
Imagem: Mercedes-Benz
Avatar do autor

De olho no segmento dos sedãs elétricos, a Mercedes-Benz estaria planejando o lançamento de uma versão luxuosa do EQS, que promete rivalizar com o Tesla Model S P100D e o Porsche Taycan, entre outros modelos. A novidade, preparada pela divisão AMG, chegaria ao mercado após o EQS convencional, cujas vendas devem ter início em 2021.

Segundo a Autocar, o EQS AMG terá desempenho superior à versão 2020 do AMG S63 4MATIC. O sedan esportivo traz um motor V8 turbo a gasolina de 600 cv de potência e 90 kgfm de torque, números que seriam ainda maiores no modelo movido a eletricidade, previsto para trazer um novo sistema de transmissão elétrica modular.

Com isso, o desempenho do novo modelo seria bastante superior ao do EQS atual. O modelo que já está confirmado tem dois motores elétricos, 470 cv de potência e 77,4 kgfm de torque, podendo acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 4,5 segundos.

O novo sedã será baseado no conceito Vision EQS.O novo sedã será baseado no conceito Vision EQS.Fonte:  Mercedes-Benz/Divulgação 

A bateria do modelo atual suporta carregamento rápido, chegando a 80% da carga com 20 minutos, se ligado a uma tomada de 350 kW. Sua autonomia é de 700 km, mas provavelmente estes números serão diferentes na versão preparada pela AMG, devido ao aumento do desempenho.

Concorrentes

Caso tenha o lançamento confirmado, o Mercedes EQS AMG será concorrente direto do Tesla S. O carro elétrico da empresa de Elon Musk conta com dois motores elétricos cuja potência combinada gera 689 cv de potência e 109,3 kgfm de torque na versão P100D. São apenas 2,8 segundos para ele sair do 0 e chegar aos 100 km/h.

Já o Porsche Taycan entrega ainda mais potência, chegando a 761 cv na variante Turbo S, com aceleração de 0 a 100 km/h também em 2,8 segundos. Um dos destaques dele é o sistema de carregamento rápido, que garante energia suficiente para rodar 100 km com apenas cinco minutos na tomada.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Mercedes planeja sedã elétrico para concorrer com Tesla e Porsche