A Didi Chuxing ficou bastante conhecida por ter sido a responsável por ter “tirado” a Uber da China – e agora ela quer ajudar outras companhias a fazer algo parecido na Europa e na África.

A companhia de ride hailing asiática fechou uma parceria com a plataforma Taxify, presente em 18 localidades espalhadas entre o Velho Continente e a África, incluindo países com Hungria, África do Sul, Nigéria e Quênia. Um investimento faz parte da negociação, embora a quantia não tenha sido revelada.

A Didi também é uma das principais investidoras em outra forte concorrente da Uber, a Lyft, e recentemente fez um movimento muito parecido com a Grab, investindo parte dos US$ 2 bilhões recebidos pela plataforma para brigar pelo mercado no sudeste asiático.