Porsche vai abandonar o diesel para focar em carros elétricos

1 min de leitura
Imagem de: Porsche vai abandonar o diesel para focar em carros elétricos
Avatar do autor

Oliver Blume, CEO da Porsche, anunciou que os motores diesel da montadora podem estar com os dias contados. O motivo do possível abandono é, por sua vez, é bem sensato: a marca quer ganhar momento para se preparar para o futuro elétrico – e o diesel, depois de tantas polêmicas envolvendo a Volkswagen e a Audi, é um peso que a marca de Stuttgart precisa se livrar para não manchar sua imagem também.

A empresa está investindo cerca de US$ 1,16 bilhão para mudar sua planta principal e prepará-la para produção do primeiro veículo 100% elétrico da marca, o Mission E, que deve chegar em dois anos. A Porsche também foi a primeira montadora alemã a anunciar um possível “rompimento” com o diesel.

Porsche Mission E

“É claro que estamos olhando esse assunto. Nós ainda não tomamos uma decisão a respeito disso, no entanto”, explicou Blume. Essa resposta, no entanto, não demorará a vir, já que a marca vai fechar sua estratégia de oferta de motores que, segundo o CEO, vai consistir em propulsores a combustão, híbridos recarregáveis e modelos 100% movidos por baterias. Esses veículos já vão aparecer dentro dos próximos 10 a 15 anos.

O Grupo Volkswagen, dono da marca, já anunciou que a Porsche e a Audi vão se juntar para desenvolver uma plataforma que deve servir de base para os elétricos das duas empresas, como uma forma de reduzir os custos.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Porsche vai abandonar o diesel para focar em carros elétricos