Bitcoin: empresa leva 1 milhão de máquinas da China para o Canadá

1 min de leitura
Imagem de: Bitcoin: empresa leva 1 milhão de máquinas da China para o Canadá
Imagem: Chinafile/Reprodução
Avatar do autor

Um acordo entre a Optimum Mining Host (OMH), empresa chinesa de mineração de Bitcoin, e a Black Rock Petroleum Company (BRPC) planeja transferir 1 milhão de plataformas de mineração de Bitcoin (BTC) da China para o Canadá nos próximos 24 meses.

Em um comunicado ao mercado, a BRPC disse que planeja "hospedar e operar até um milhão de mineradores de bits" para a OMH "em três locais de produção de gás natural localizados em Alberta, Canadá".

As primeiras 200 mil unidades serão hospedadas na fábrica de Quirk Creek perto de Millarville, Alberta. A declaração não especifica como o total do custo de operação de todas as plataformas de mineração de Bitcoin será dividido, mas parece que as duas empresas pagarão as despesas.

Fuga da China

Com a China reprimindo as operações de mineração de criptomoedas, muitas operações já foram encerradas e estão procurando outro lugar. A decisão chinesa de proibir as operações de mineração de criptomoedas é justificada pela preocupação da emissão de carbono e o desejo do Banco Popular da China de se afastar da volatilidade das moedas digitais.

O banco chinês chegou a afirmar que “as atividades de comércio de moeda virtual perturbam a ordem econômica e financeira normal, geram o risco de atividades ilegais e criminosas.”

Escala das operações de transporte

A fuga da China de 1 milhão de plataformas de mineração da OMH é apenas uma amostra do que pode acontecer nos próximos meses. (Fonte: Pixabay/Reprodução)A fuga da China de 1 milhão de plataformas de mineração da OMH é apenas uma amostra do que pode acontecer nos próximos meses. (Fonte: Pixabay/Reprodução)Fonte:  Pixabay/Reprodução 

A parceria entre duas empresas pode oferecer uma amostra da escala das operações de mineração sendo forçadas a deixar a China por causa das restrições do país às criptomoedas. Ou, ainda, pode ser um sinal de como as empresas querem lucrar com a incerteza do futuro do Bitcoin.

Mesmo antes do acordo, já existiam sinais de que as operações de mineração de BTC com base na China planejam se mudar para os EUA e Canadá em busca de energia barata, proteções de privacidade e a estabilidade relativa de seus regulamentos para mineração de criptomoedas.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Bitcoin: empresa leva 1 milhão de máquinas da China para o Canadá