Confirmando a previsão da companhia feita no início de abril, a Samsung publicou seu relatório final com os resultados financeiros da empresa durante o primeiro trimestre de 2019 e eles mostram uma queda histórica de 60% nos lucros, que foram de US$ 13,4 bilhões no ano passado para US$ 5,3 bilhões no início deste ano.

Os principais responsáveis por essa queda são os setores de chips de memória e telas, partes importantes do negócio da companhia, mas que vem enfrentando uma redução na demanda durante os últimos meses. Apesar disso, a Samsung espera ver um crescimento nos pedidos de chips durante o segundo semestre deste ano, com a chegada de mais smartphones com 256 GB de armazenamento.

A empresa também destacou que as vendas da linha Galaxy S10 estão indo bem, com 78 milhões de dispositivos enviados às lojas até agora, e não comprometeram o resultado financeiro do trimestre. A expectativa é que as vendas continuem crescendo com a chegada da linha Galaxy Note 10 e o lançamento do Galaxy S10 5G em mais mercados.

Apesar de não ter seu nome citado no relatório, o Galaxy Fold também é uma das apostas da Samsung para a segunda metade do ano. Após apresentar problemas em algumas unidades enviadas para análise, a empresa recolheu esses dispositivos e adiou o lançamento do aparelho para uma data futura ainda não revelada.