Semana passada, um relatório apresentado pela Counterpoint Research informou que o Apple Watch Series 1 e 3 foram os dois smartwatches mais vendidos no mundo durante o segundo trimestre de 2018. Agora, na última terça-feira (04), um novo relatório apresentado pela empresa de pesquisas IDC, revelou que o número de vendas totais da Apple alcançaram a marca de quase cinco milhões durante o período de três meses. O que é um grande feito, levando em consideração que na próxima quarta-feira (12) será lançado o Series 4, que vem causando grande expectativa no público.

Com o número de 4,7 milhões de unidades vendidas entre abril e junho deste ano, o que lhe garantiu uma participação de 17% durante o período, mantendo a companhia na liderança do mercado global de dispositivos vestíveis. O número representou um crescimento significativo em relação ao ano passado, quando a Apple vendeu 3,4 milhões de unidades de seu wearable popular.

Enquanto todas as outras companhias apresentaram crescimento entre o ano passado e agora, a Fitbit foi na contramão, ela teve uma queda considerável de 0,7 milhão de unidades em relação a 2017. Isso pode ser fruto de um anseio dos usuários em comprar produtos mais completos do que apenas um rastreador de atividades físicas. Entretanto, a companhia ainda vendeu um total de 2,7 milhões de unidades, lhe garantindo o terceiro lugar no ranking.

Na segunda colocação da lista divulgada pela IDC aparece a Xiaomi, que vendeu cerca de 4,2 milhões e conquistou uma participação de 15,1%. Enquanto a Huawei ocupa o quarto lugar, após atingir um total de 1,8 milhões de unidades, o que representa um milhão de unidades a mais em relação ao ano anterior e também equivale a uma taxa de crescimento de 118,1%. Em último lugar no top 5 está a Garmin, que aumentou seus números ligeiramente para 1,5 milhão.

Cupons de desconto TecMundo: