A Apple acaba de adicionar mais uma patente à sua longa lista: o Teatro Steve Jobs. O auditório localizado no Apple Park, com capacidade para mil pessoas, é mais uma das maravilhas produzidas pela gigante companhia. Se algum arquiteto tinha qualquer interesse em utilizar a ideia de reproduzir a estonteante obra, agora não será mais possível.

O auditório subterrâneo, que foi inaugurado em 2017 durante o lançamento do iPhone X, conta com tantos atributos quanto os aparelhos produzidos pela empresa californiana. O local tem teto de fibra de carbono, sistema de projeção com o que há de mais moderno e cadeiras tão fofisticadas que foram estimadas em US$ 14 mil a unidade.

A entrada do teatro é no nível do solo, então para acessar a sala principal é necessário descer por uma escada em espiral ou utilizar um dos dois elevadores personalizados. Se decidir poupar as pernas, o visitante irá descer ao showroom com elevadores que giram enquanto o transportam. Tanto a entrada quanto a saída são pela mesma porta, mas em direções opostas. O teatro ainda conta com uma parede retrátil que abriga uma área de testes da empresa.

Definitivamente, dinheiro não foi uma preocupação em todo o projeto e execução do Apple Park, já que a obra foi estimada em US$ 5 bilhões. O pedido de patente é para a parte externa, o edifício de vidro em formato circular que com certeza é estonteante. 

Cupons de desconto TecMundo: