23 anos do Google: veja 7 curiosidades sobre os doodles

3 min de leitura
Imagem de: 23 anos do Google: veja 7 curiosidades sobre os doodles
Imagem: Google/Reprodução
Avatar do autor

O Google completa, nesta segunda-feira (27), 23 anos de existência. A gigante de Mountain View nasceu da parceria e amizade entre Sergey Brin, um estudante de graduação de Stanford, e Larry Page, que considerava fazer pós-graduação na universidade. Em 1998, a dupla construiu o protótipo de um mecanismo de busca na internet, dando origem ao site mais visitado do mundo.

De acordo com a companhia, são realizadas diariamente bilhões de pesquisas no buscador que está disponível em mais de 150 idiomas. “Desde os primeiros dias do Google, desde seu primeiro servidor alojado em um gabinete construído com blocos de brinquedo até seus servidores agora alojados em mais de 20 data centers em todo o mundo, sua missão de tornar as informações do mundo acessíveis a todos permanece a mesma”, diz a empresa em comunicado de aniversário.

Dentre as várias características marcantes da empresa estão os doodles — versões divertidas e personalizadas do logotipo do Google — lançados em ocasiões e datas especiais. Para relembrar um pouco dessa história com mais de duas décadas, o TecMundo separou 7 curiosidades sobre os doodles já lançados pela marca.

1. Pra frente, Brasil!

De acordo com o arquivo digital de doodles, a primeira homenagem personalizada para o Brasil foi feita em 28 de junho de 2002. Na época, o Brasil era um dos finalistas para disputar a final da Copa do Mundo no Japão, contra a Alemanha. Para dar uma força aos brasileiros, o Google colocou a bandeira do país em seu logo, substituiu a letra “o” por uma bola e colocou um atleta com a “amarelinha” dando uma bicicleta.

Doodle

2. Foi sem querer querendo

Em 21 de fevereiro de 2020, o Google resolveu homenagear Roberto Gómez Bolaños, ator que deu vida aos populares personagens Chaves e Chapolin Colorado. Na data, o mexicano completaria 91 anos, mas faleceu em novembro de 2014. O curioso da história é que além dos países do continente americano, o doodle do Chespirito foi lançado na Islândia e Itália.

Doodle

3. Vacine-se!

Desde a declaração oficial da covid-19 como uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em março de 2020, o Google lançou vários doodles com referência à crise sanitária. Além de homenagear profissionais que estavam na linha de frente do combate à pandemia, a companhia também já agradeceu professores, trabalhadores do setor alimentício, zeladores, pesquisadores, entregadores, motoristas do transporte público, dentre outras profissões. Em 1º de maio, a empresa voltou ao tema e fez o doodle “Vacine-se, use máscara, salve vidas” para estimular a continuação dos cuidados.

Doodlge

4. Mulheres históricas

Há muitos anos, o Google tem focado na homenagem às mulheres. A empresa tem dado visibilidade a grandes líderes, escritoras, pesquisadoras, artistas, políticas e mais. Entre as dezenas de homenageadas estão figuras como Lola Álvarez Bravo (fotógrafa mexicana), Margaret Lin Xavier (médica tailandesa), Maria Teresa Vera (musicista cubana), Connie Mark (combatente britânica), Ruth Asawa (artista e educadora sino-americana) e Olga Orozco (poeta argentina). No Brasil, figuras como Carolina Maria de Jesus (escritora), Dorina Nowill (filantropa e educadora), Dona Militana (artista) e Dercy Gonçalves (atriz) foram lembradas.

Doodle

5. Joguinho olímpico

Vários doodles lançados eram interativos e mostravam uma animação diferente na hora do clique. Nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 (realizados em 2021 devido à pandemia) a empresa se superou e lançou um game completo. O Doodle Champion Island Games tem 7 minigames que contam a história da Ilha dos Campeões, um local que reúne os atletas mais fortes do mundo. Mesmo com o fim das Olimpíadas, o game ainda está disponível por aqui.

6. A Groenlândia representada

Não são todos os países em que o Google realiza doodles específicos voltados exclusivamente para a população local. Uma região que já recebeu mais de uma homenagem, porém, é a Groenlândia. A ilha autônoma (que integra o território dinamarquês) já recebeu lembranças como a do cartunista, humorista e escritor Robert Storm Petersen e do explorador Fridtjof Nansen.

Google

7. O começo de tudo

A primeira “zoeira” com o logo da gigante de tecnologia surgiu em 1998. Antes mesmo da empresa oficialmente ser constituída, Larry Page e Sergey Brin queriam informar que estariam fora do escritório participando do evento de música eletrônica Burning Man. Para brincar com o fato, eles colocaram o característico boneco do festival atrás do nome do Google, o que deu origem a uma sequência de mais de 4 mil doodles até hoje.

Doodle

Segundo a marca, atualmente há uma equipe específica de ilustradores (chamados “doodlers”) e engenheiros que estão por trás de cada doodle lançado. Os usuários podem, inclusive, mandar sugestões de temas para o e-mail: doodleproposals@google.com. Para ver todas as publicações já realizadas, basta visitar este site oficial do Google.