O Click Jogos morreu? TecMundo investiga mistério

4 min de leitura
Imagem de: O Click Jogos morreu? TecMundo investiga mistério
Imagem: Click Jogos/Reprodução
Avatar do autor

Poucas pessoas na faixa de idade até “30 e poucos anos” não conhecem o Click Jogos. Fundado em 2004, o site garantiu milhares de horas de diversão para quem procurava games online que podiam ser jogados pelo próprio navegador, sem necessidade de novos softwares ou coisas do tipo.

Nos últimos meses, porém, surgiram rumores de que a plataforma teria “morrido”. Anônimos e influenciadores citaram nas redes sociais a nostalgia que sentem ao ouvir o nome do Click Jogos.

Entre as personalidades que lembram com carinho do site está a influenciadora Pequena Lô.

Até mesmo no Big Brother Brasil o assunto foi parar. O participante Arthur brincou com João sobre quando trocava o cabelo das bonecas no Click Jogos, uma lembrança que muita gente deve ter registrada na memória também.

Depois de tantas recordações, por que existe a sensação de que o site morreu? O TecMundo decidiu investigar esse mistério.

Fim do Flash

Os rumores sobre a morte do Click Jogos começaram principalmente após o fim do Flash. A tecnologia da Adobe surgiu como um software de desenvolvimento de gráficos e era lida a partir de plugins específicos em navegadores.

Parte relevante da internet no início dos anos 2000 utilizava a solução para rodar vídeos e imagens animadas um pouco mais elaborados. Além disso, a ferramenta também era uma das principais matérias-primas dos joguinhos de navegadores.

Quem não se lembra do Line Rider, por exemplo? O joguinho consistia em desenhar as próprias pistas de trenó no gelo para que o seu boneco realizasse as manobras mais radicais no cenário em tela branca. O título foi criado em Flash e serviu de diversão para muita gente.

Em 2017, veio a bomba da própria Adobe: o Flash seria descontinuado e não teria mais suporte oficial a partir de dezembro de 2020. Desde então, as páginas que tinham essa aplicação passaram a aparecer desabilitadas e com mensagens para ativar manualmente o player.

Nesse caso, os games do Click Jogos eram em Flash. O que aconteceu com o site, então? Esse é o mistério.

E aí, o Click Jogos morreu ou não?

Partindo do pressuposto que o Flash morreu e os games do Click Jogos eram em Flash, então é possível dizer que o site também morreu? Para acabar com o mistério, vamos dizer: Não, o Click Jogos não morreu! Muito pelo contrário, o site continua mais vivo do que nunca! “Como?”, você deve estar se perguntando, leitor. Calma, nós vamos explicar.

Com o fim do Flash, o acervo do Click Jogos está sendo atualizado com jogos em HTML5. A linguagem de marcação (conjunto de dados aplicados a um texto) tem, entre os benefícios, a melhoria da performance de uma página, aceitação por diversos dispositivos e armazenamento de dados offline.

Há vários anos a ferramenta desponta como uma possível substituta do Flash, já que ela entrega funcionalidade e é leve para as aplicações. Sites e plataformas de grandes empresas do mercado, como Google, utilizam o HTML5.

O líder editorial de Acervo e Social Media da NZN (empresa detentora das marcas Click Jogos e do TecMundo), Carlos Augusto Schinemann Junior, "o Bill", explicou que muitas desenvolvedoras de games têm utilizado a linguagem e que por isso ela se tornou uma alternativa perfeita para o Click Jogos.

“Por ser uma tecnologia mais avançada, a experiência para os usuários melhora muito já que, por exemplo, não há mais a necessidade de instalação de plugins. Além disso, na minha opinião, a principal vantagem é a velocidade, isto é, os jogos em HTML5 são mais leves e carregam muito mais rápido”, argumentou.

Bill comentou também que o Click Jogos está mais forte do que nunca, já que em 2021 vários games importantes (incluindo franquias famosas como Super Mario) continuam sendo lançados para navegadores.

Por último, ele disse que foi o público que tornou o Click Jogos no que ele é hoje, e muita gente segue tendo acesso aos títulos mais divertidos pela primeira vez. “A comunidade do Click Jogos cresce a cada dia, é impressionante! E isso faz o nosso público ser bem diverso. Por exemplo, temos usuários que jogam há anos, desde a adolescência e que hoje estão com seus 24 ou 25 anos. Além deles, temos as crianças e os adolescentes que são uma nova geração de jogadores”, finalizou Bill.

Click Jogos

Bom, agora que você percebeu que o Click Jogos não morreu, que tal lembrar de versões atuais de vários dos games que você jogava há algum tempo? Fique ligado no TecMundo porque nos próximos dias traremos mais matérias especiais sobre esse site que está para sempre em nossos corações!

O Click Jogos morreu? TecMundo investiga mistério