Castores roem cabos e derrubam internet em cidade do Canadá

1 min de leitura
Imagem de: Castores roem cabos e derrubam internet em cidade do Canadá
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

Um tipo de “bug” diferente fez uma cidade canadense ficar sem internet durante 36 horas, neste final de semana: segundo a emissora CBC, uma colônia de castores resolveu roer cabos de fibra ótica, enquanto procuravam materiais consistentes para construir a sua represa.

Depois de mastigarem um tubo protetor de quase 12 centímetros para chegar aos cabos, explicou Liz Sauvé, porta-voz do provedor de internet Telus, os hábeis roedores simplesmente derrubaram o sinal de internet de 900 residências na pequena Tumbler Ridge, na província de Colúmbia Britânica.

O “ataque” às comunicações da cidade de quase 2 mil habitantes começou por volta das 4 horas da manhã de sábado (24), interrompendo também os serviços de telefonia celular. As equipes da Telus trabalharam durante toda a noite para restaurar os serviços, mas só tiveram sucesso no domingo, por volta das 15h30.

Seguindo os castores para reativar a internet

Fita de marcação de fibra, geralmente enterrada no subsolo, "enfeitando" a barragem do castor (Fonte: Telus/Reprodução)Fita de marcação de fibra, geralmente enterrada no subsolo, "enfeitando" a barragem do castor (Fonte: Telus/Reprodução)Fonte:  Telus 

Sauvé explicou que, seguindo a trilha dos cabos, uma equipe chegou até uma barragem de castores que, segundo os relatos, “cavaram no subsolo ao longo do riacho para alcançar nosso cabo, que está enterrado a cerca de um metro de profundidade e protegido por um conduíte de 4,5 polegadas de espessura".

Após mastigarem os quase 12 centímetros de tubo como uma espécie de “couvert”, eles se deliciaram com os cabos em vários pontos do local. Como ainda estamos na fase inicial da primavera no Canadá, as equipes tiveram que utilizar equipamentos especializados para cavar em solo parcialmente congelado até expor os cabos.

Após concluídos os reparos, os técnicos da Telus divulgaram imagens do local, mostrando as fitas de marcação dos conduítes, de cor laranja, que ficam enterradas sobre os cabos no subsolo, “ornamentando” a represa dos castores.

Castores roem cabos e derrubam internet em cidade do Canadá