Youtuber é morto a tiros nos EUA enquanto gravava uma pegadinha

1 min de leitura
Imagem de: Youtuber é morto a tiros nos EUA enquanto gravava uma pegadinha
Imagem: Roger Fregoso/GinxTV
Avatar do autor

Um youtuber de 20 anos chamado Timothy Wilks estava gravando o vídeo de uma pegadinha de assalto na última sexta-feira (5), quando foi baleado e morto na cidade de Nashville, nos EUA. Wilks e um membro de sua equipe abordaram um grupo de pessoas no estacionamento do parque indoor Urban Air, ameaçando-os com facas de açougueiro, segundo o periódico Nashville Tennessean.

David Starnes Jr., de 23 anos, estava entre os “assaltados” e sacou sua arma, atirando no youtuber por volta das 21h30, acreditando que ele e os amigos seriam vítimas de uma ameaça real.

Cena do crime (Fonte: Roger Fregoso/YouTube/Reprodução)Cena do crime (Fonte: Roger Fregoso/YouTube/Reprodução)Fonte:  Roger Fregoso/YouTube 

Após as explicações do rapaz de que não sabia que se tratava de uma brincadeira, a polícia metropolitana de Nashville não o acusou formalmente, e está conduzindo a investigação sobre o tiroteio fatal como uma questão de legítima defesa. Mais detalhes sobre o formato ou a apresentação da pegadinha não foram divulgados.

Vídeos de pegadinhas têm-se multiplicado no YouTube onde são tremendamente populares e rendem boas monetizações. Porém, abordar pessoas com uma faca de açougueiro, principalmente em um país onde grande parte da população possui armas de fogo, pode gerar consequências imprevisíveis.

Fontes

Youtuber é morto a tiros nos EUA enquanto gravava uma pegadinha