Um dos maiores medos daqueles que temem os drones acaba de se tornar realidade: um desses aparelhos sofreu uma colisão direta com um avião em pleno voo. E no que isso resultou? Bem... Em nada, na verdade. Pois é, nada de mortes ou danos para a aeronave – nem mesmo um arranhão, segundo a CNN.

O curioso caso foi relatado por um piloto da British Airways em um voo vindo de Geneva com destino ao Aeroporto Heathrow, de Londres. O avião estava a apenas 500 metros de altura, preparando-se para pousar, quando a colisão ocorreu – por sorte, sem resultar em nenhum ferimento para os passageiros e funcionários.

Chegando em terra firme, a aeronave foi inspecionada cuidadosamente, mas não foi possível notar qualquer dano, por menor que fosse, na estrutura do avião. Assim, o Airbus A320 pôde voltar a operar pouco depois.

Acidente inofensivo, por enquanto

Um caso como reforça os temores de pessoas, empresas de aviação e aeroportos sobre os perigos oferecidos por drones. O medo de que algo assim acontecesse era tanto que vários desses estabelecimentos estão armando seus seguranças com armas antidrones – de canhões lasers a armas de microondas e dispositivos capazes de “congelar” esses autômatos voadores.

Pelo visto, foi muita preocupação para pouco, dessa vez. No entanto, isso não quer dizer, é claro, que maiores acidentes não possam acontecer por culpa de um piloto de drone despreparado como esse: para as autoridades envolvidas, colocar esses veículos para voar de maneira descuidada demais pode sim resultar em uma catástrofe.

Embora nada tenha ocorrido dessa vez, drones podem eventualmente levar a catástrofes se usados de maneira descuidada

“Felizmente a aeronave pousou com segurança, mas o incidente destaca os reais perigos do uso impensado, negligente e algumas vezes malicioso dos drones”, disse Martin Hendy, do Comando de Policiamento de Aviação da Polícia Metropolitana. “Nós continuamos a trabalhar com a Autoridade Civil de Aviação e outros parceiros para enfrentar esse problema e garantir que entusiastas que lançam drones entendam os perigos e a lei”, continuou.

Atualmente, a polícia britânica está em busca do dono do drone, uma vez que a utilização desses aparelhos em território aéreo próximo a aeroportos é um crime com pena de até cinco anos de cadeia no Reino Unido.

Você é a favor de mais leis para restringir o uso de drones? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: