A HMD Global apresentou hoje (16) o primeiro smartphone top de linha da marca Nokia que roda Android, mas não impressionou muito no que diz respeito ao hardware. Contudo, a fabricante tem sim uma carta na manga para fazer o Nokia 8 vender bem: o sistema de câmeras. São três sensores aparentemente idênticos, todos com 13 MP, abertura f/2.0 e pixels de 1.12 mícron. Dois ficam na parte traseira e um na frontal.

É possível que esses sensores sejam fabricados pela Sony, do modelo IMX 258, mas cada um foi personalizado de uma forma diferente para obter os resultados desejados. O sistema duplo da parte traseira, por exemplo, conta um sensor colorido com estabilização óptica de imagem e outro monocromático com estabilização eletrônica.

Ambos trabalham juntos para que as fotos apresentem mais detalhes e consigam bons resultados mesmo em condições mais desafiadoras de luz. A HMD diz que o Nokia 8 usa um algoritmo que combina as fotos dos dois sensores em uma só de forma inovadora.

Fora isso, a presença do segundo sensor também ajuda o celular a simular a baixa profundidade de campo que você consegue com câmeras profissionais DSLR. Assim, é possível tirar fotos com o fundo borrado e destacar o objeto principal sem precisa aplicar efeitos de software imprecisos. É basicamente o que a Motorola fez no Moto Z2 Force o que a Huawei vem fazendo há um bom tempo em seus aparelhos mais premium.

Já foram vazados inclusive dois vídeos com amostras da câmera deste smartphone. Confira.

O que é “Bothie”?

A HMD está tentando criar uma nova moda com o Nokia 8. Estamos falando da “bothie”, que é basicamente a evolução da selfie. O trocadilho aqui está na adaptação da palavra inglesa “both” — que significa “dois” ou “ambos” dependendo do contexto — em contraposição com “self” — “você mesmo” ou “sozinho” —, do qual o termo “selfie” é derivado.

Apessoa pode tirar uma foto de um grupo e aparecer no mesmo quadro - essa seria uma bothie

Para adotar o termo, a fabricante resolveu desenvolver um recurso em seu app de câmera que combina fotos e vídeos das câmeras traseiras com a da frontal dividindo a tela em dois. Assim, a pessoa pode tirar uma foto de um grupo e aparecer no mesmo quadro. Essa seria uma “bothie”.

Apesar de parecer, isso não é novidade alguma. HTC, Samsung, LG e várias outras marcas já lançaram recursos similares nos apps de câmera de seus smartphones, mas o Nokia 8 tem um destaque: é possível transmitir vídeos ao vivo pelo YouTube e pelo Facebook usando esse recurso. Assim, você aparece na imagem junto com o objeto principal.

Ainda não pudemos testar o celular, e nenhum veículo conseguiu fazer uma análise completa do aparelho para dar algum veredicto sobre a qualidade das câmeras. Contudo, pelas amostras que foram publicadas hoje, é provável que o celular acabe se destacando no mercado juntamente pelas capacidades fotográficas para compensar o hardware sem novidades.

Cupons de desconto TecMundo: