Pantera Negra 2: Letitia Wright difunde discurso contra vacinas, diz site

2 min de leitura
Imagem de: Pantera Negra 2: Letitia Wright difunde discurso contra vacinas, diz site
Imagem: Marvel/Reprodução
Avatar do autor

A atriz Letitia Wright, que novamente interpreta a personagem Shuri em Pantera Negra: Wakanda Para Sempre, teria voltado a emitir opiniões contrárias à ciência durante as gravações da aguardada sequência do filme da Marvel. Segundo o The Hollywood Reporter, ela estaria espalhando ideias antivacinas para membros da equipe presentes nas filmagens em andamento em Atlanta.

Nos últimos anos, Wright tem expressado comentários controversos sobre diversos assuntos em suas redes sociais. A atriz compartilhava vídeos de conteúdos céticos em relação à pandemia e contrários a vacinas de combate ao coronavírus, além de postagens vistas como ataques à comunidade LGBTQIA+.

Dessa vez, o veículo afirmou que ela "defendeu pontos de vista semelhantes" no set, após cancelar suas contas na internet e se separar de seus representantes por conta de críticas.

No contexto da indústria de filmes e séries, vale destacar o papel da pandemia — ainda em curso e agravada pela variante Delta — no andamento de produções. Diversos estúdios atualmente adotam protocolos de segurança para impedir a proliferação do vírus, através de testes negativos e comprovantes de vacinação de acordo com a Aliança de Produtores de Cinema e Televisão (AMPTP) e sindicatos de Hollywood.

Letitia Wright teria voltado a trazer conteúdos polêmicos e preocupantes para a Marvel.Letitia Wright teria voltado a trazer conteúdos polêmicos e preocupantes para a Marvel.Fonte:  Marvel/Reprodução 

No caso da Disney, proprietária da Marvel, a partir deste mês haverá a adoção de um sistema que exige provas de vacinação contra a covid-19 de todo a equipe e elenco. Ao considerar o posicionamento de Wright, isso pode significar que seu futuro no MCU pode estar ameaçado — apesar de sua personagem ser uma figura querida por fãs e com potencial de mais protagonismo na continuação das histórias que envolvem Wakanda.

Vale lembrar que a Disney já possui um histórico de agir após o conhecimento de situações similares vistas, no mínimo, como polêmicas. Em The Mandalorian, a atriz Gina Carano que vivia Cara Dune, foi demitida após denúncias de suas declarações com ataques a judeus, o que teve grande repercussão e pressão por parte de fãs. Giancarlo Esposito, seu então colega de elenco na série do universo de Star Wars, falou em entrevistas passadas sobre o assunto:

“Se você não quer se vacinar, vá para uma pequena ilha e se isole. [Caso contrário], você está dizendo 'fod*-se' para todos os outros seres humanos. Todos nós temos que fazer isso se quisermos viver. Eu não entendo como as pessoas não se vacinam. Para mim, perdi amigos queridos, então sei que é real. A vacina é a solução. Não estou atacando ninguém que não queira se vacinar, mas que vá para algum lugar onde não poderá comprometer alguém”.

Até o momento, a Disney ou outros responsáveis pelo Marvel Studios ainda não confirmaram ou comentaram sobre a possível postura de Wright dita pelo site. Pantera Negra: Wakanda Para Sempre chegará aos cinemas em 06 de julho de 2022.