Comer dois cogumelos por dia pode diminuir risco de câncer em 45%

3 min de leitura
Imagem de: Comer dois cogumelos por dia pode diminuir risco de câncer em 45%
Imagem: Fonte: Pixabay.
Avatar do autor

Cogumelos são ricos em vitaminas, nutrientes e antioxidantes, motivo pelo qual são utilizados pela medicina oriental há séculos no tratamento de diversas doenças. A crença é a de que há compostos químicos nos cogumelos que fortalecem o sistema imunológico. Agora a teoria chinesa ganha respaldo científico ocidental: um estudo realizado na Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, sugere que comer 18 gramas de cogumelos por dia pode reduzir o risco de desenvolver câncer.

Segundo o artigo, publicado no jornal científico Advances in Nutrition, indivíduos que comem dois cogumelos de tamanho médio ao dia têm um risco 45% menor de desenvolver câncer em comparação com quem não come cogumelos regularmente. A pesquisa analisou 17 estudos sobre câncer, realizados entre 1966 e 2020, com mais de 19.500 pacientes portadores da doença.

Cogumelos possuem grande quantidade de antioxidantes.Cogumelos possuem grande quantidade de antioxidantes.Fonte:  Pixabay 

O que o cogumelo tem?

“Os cogumelos são a maior fonte dietética de ergotioneína, que é um antioxidante potente e protetor celular único”, explicou ao site SCMP Djibril Ba, pós-graduanda em Epidemiologia do Colégio de Medicina Penn State. Sua equipe descobriu que pessoas que incorporaram qualquer variedade de cogumelos em suas dietas tiveram um risco menor de câncer. “A reposição de antioxidantes no corpo pode ajudar a proteger contra o estresse oxidativo e reduzir o risco de câncer”, afirmou Ba.

Segundo o artigo, as variedades shitake, ostra, maitake e king ostra têm maiores quantidades de ergotioneína do que os cogumelos botão branco, champignon e portobello. A ingestão de cogumelos comestíveis teve associação mais forte com menor risco de câncer de mama – a equipe acredita que o fato tenha relação com muitos dos estudos analisados não incluírem outras formas da doença.

“No geral, essas descobertas fornecem evidências importantes dos efeitos protetores dos cogumelos contra o câncer”, disse, na mesma entrevista, o coautor John Richie, professor de Ciências da Saúde Pública e Farmacologia da universidade. “Estudos futuros são necessários para identificar melhor os mecanismos envolvidos e os cânceres específicos que podem ser afetados”, acrescentou.

Já pode preparar o almoço?

A equipe pediu cautela na interpretação da pesquisa, classificando as descobertas como "interessantes". “É importante considerar a ingestão de cogumelos dentro do contexto mais amplo de comportamentos relacionados à dieta e atividade física de um indivíduo", alertou Helen Croker, chefe de interpretação de pesquisas do Fundo Mundial de Pesquisa do Câncer, ao SCMP.

Alimentos variados fazem parte de uma dieta saudável.Alimentos variados fazem parte de uma dieta saudável.Fonte:  Pixabay 

Para Croker, exames mais abrangentes sobre o impacto dos fatores de estilo de vida no risco de câncer encontram algumas evidências de que o consumo de frutas e vegetais pode reduzir o risco de vários tipos de câncer – e também podem reduzir a probabilidade de ganhar peso em excesso, o que é um forte risco para vários tipos de câncer. A pesquisdora ressaltou que é importante comer uma grande variedade de frutas e vegetais para obter o máximo de benefícios.

Já Sam Miller, chefe de nutrição da Pure Nutrition, em Hong Kong, foi um pouco cético quanto aos resultados. Para ele, a pesquisa sugere que aqueles que não comeram nenhum cogumelo eram muito propensos a comer menos vegetais em geral. O cientista sugere comer mais frutas e vegetais e não atrelar esperanças em um ou dois alimentos milagrosos. “O peso das evidências mostra que eles não existem e não há um alimento que o tornará realmente saudável”, disse ele.

A nutricionista britânica Fareeha Jay, especializada em dietas do sul da Ásia, disse que a pesquisa deveria ser feita com “uma pitada de sal” – porque foi baseada na análise de estudos observacionais e não demonstrou causa e efeito. “Com resultados tão promissores, devemos incluir cogumelos em nossa dieta diária, mas também ter certeza de que estamos incluindo grãos inteiros, fibras, vegetais e frutas, pois eles também podem ser protetores contra certos tipos de câncer”, acrescentou ela.

Cogumelos são ricos em vitaminas, nutrientes e antioxidantes, motivo pelo qual são utilizados pela medicina oriental há séculos no tratamento de diversas doenças. A crença é a de que há compostos químicos nos cogumelos que fortalecem o sistema imunológico. Agora a teoria chinesa ganha respaldo científico ocidental: um estudo realizado na Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, sugere que comer 18 gramas de cogumelos por dia pode reduzir o risco de desenvolver câncer.

Fontes

Comer dois cogumelos por dia pode diminuir risco de câncer em 45%