Robôs nadadores quebram recorde mundial de distância no Pacífico

1 min de leitura
Imagem de: Robôs nadadores quebram recorde mundial de distância no Pacífico
Avatar do autor

(Fonte da imagem: Yorokobu)

Quatro robôs chamados de PacX Wave Gliders quebraram o recorde mundial de distância no mar ao nadarem 3,2 mil milhas náuticas (5.926 quilômetros) em todo o oceano Pacífico. Eles superaram o antigo recorde mundial do Guinness para a maior distância percorrida por um objeto não tripulado no mar, que era de 2,5 mil milhas náuticas (4.630 quilômetros).

O recorde foi quebrado devido à expedição, que os robôs estão participando, com o objetivo de recolher dados sobre a composição e a qualidade da água do mar. Os PacX Wave Gliders foram construídos pela empresa americana Liquid Robotics, e devem percorrer mais de 9 mil milhas náuticas (16.668 km) até o final da operação.

A primeira etapa, percorrida entre São Francisco e Havaí, levou quatro meses. Os robôs foram construídos para chegar a lugares difíceis de alcançar, e reunir informações sobre a acidez da água do pacífico e a diminuição da população de peixes.

Trabalho pesado

Os robôs são alimentados com energia do sol, obtida através de painéis solares que ficam na superfície. Além disso, os PacX convertem a energia das ondas do oceano para criar um impulso que os move para frente.

A cada 10 minutos, são analisadas a salinidade e a temperatura da água, além da fluorescência e do oxigênio dissolvido. Edward Lu, chefe de aplicações inovadoras da Liquid Robotics, disse à BBC que não tem dúvidas quanto ao surgimento, a partir do conjunto de dados obtidos pelos robôs PacX, de descobertas oceânicas, ideias e aplicações.

Os quatro robôs embarcarão em aventuras separadas depois do Havaí. Dois deles irão para o Japão, cruzando a Fossa das Marianas, o lugar mais profundo da Terra. Os outros dois vão seguir caminho para Austrália, passando a linha do equador. Os pesquisadores esperam que os PacX cheguem aos seus destinos finais no final do ano ou início de 2013.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Robôs nadadores quebram recorde mundial de distância no Pacífico