Erro no Excel faz 15 mil casos de covid-19 sumirem no Reino Unido

1 min de leitura
Imagem de: Erro no Excel faz 15 mil casos de covid-19 sumirem no Reino Unido
Imagem: Unsplash
Avatar do autor

Um erro técnico nas planilhas do Microsoft Excel fez com que mais de 15 mil casos de covid-19 no Reino Unido não fossem incluídos nas estatísticas oficiais do governo. A falha foi anunciada ontem (4) pela Public Health England (PHE), agência responsável por rastrear os casos da doença no território britânico.

Segundo a entidade, o bug resultou na perda temporária dos dados de 15.841 casos de teste positivo para o novo coronavírus, registrados entre os dias 25 de setembro e 2 de outubro. Dessa forma, os infectadps deixaram de ser avisados a respeito do resultado, impedindo a entrada imediata em quarentena.

A PHE se limitou a informar a existência do problema técnico, não dando maiores informações sobre o assunto. Mas de acordo com a imprensa inglesa, a falha foi em uma versão antiga do editor de planilhas da Microsoft, utilizada pelo órgão.

Versões mais recentes do Excel não têm a limitação que levou à falha no sistema de notificação de casos.Versões mais recentes do Excel não têm a limitação que levou à falha no sistema de notificação de casos.Fonte:  Microsoft/Reprodução 

Veículos como BBC e Daily Mail afirmam que a PHE usava tabelas de extensão XLS para guardar os detalhes. Esse formato só suporta 65 mil fileiras de dados, e após a quantia ser ultrapassada, as informações excedentes sumiam. A título de comparação, os modelos mais novos de planilhas suportam até 1 milhão de fileiras.

Problema corrigido

Em nota, a entidade revelou que a falha já foi corrigida, atualizando as estatísticas oficiais do governo e o sistema de rastreamento de contatos.

Além disso, as pessoas cujo teste deu positivo para o coronavírus foram avisadas, recebendo a recomendação de iniciar o isolamento, ficando assim durante um período mínimo de 10 dias.

Mesmo com a resolução rápida do problema, a imprensa inglesa destaca que dezenas de milhares de pessoas que tiveram contato com os contaminados deixaram de ser notificadas, em um momento no qual a região tem apresentado aumento no número de casos.

Erro no Excel faz 15 mil casos de covid-19 sumirem no Reino Unido