SpaceX lança 1º satélite militar da Coreia do Sul com sucesso

1 min de leitura
Imagem de: SpaceX lança 1º satélite militar da Coreia do Sul com sucesso
Imagem: SpaceX/Reprodução
Avatar do autor

Nesta segunda-feira (20), a SpaceX lançou com sucesso o primeiro satélite de comunicação militar da Coreia do Sul. A decolagem do foguete Falcon 9 com a carga aconteceu na Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral, na Flórida (Estados Unidos), após um pequeno atraso provocado pelas condições climáticas.

A missão de lançamento do ANASIS-II estava prevista originalmente para o último dia 14, mas acabou adiada pela empresa de Elon Musk. O atraso se deu por questões técnicas, com o objetivo de avaliar uma possível troca de hardware no segundo estágio do foguete.

Construído pela Airbus Space and Defence, o satélite foi projetado para fornecer comunicações seguras em uma ampla cobertura, tornando-se o primeiro equipamento do tipo utilizado pelos asiáticos. Antes disso, os sul-coreanos usavam satélites civis e internacionais para suas comunicações militares.

A SpaceX compartilhou uma foto que mostra o cometa NEOWISE passando sobre a plataforma de lançamento do ANASIS-II.A SpaceX compartilhou uma foto que mostra o cometa NEOWISE passando sobre a plataforma de lançamento do ANASIS-II.Fonte:  Twitter/SpaceX 

O lançamento coincide com a data de aniversário dos 50 anos da Agência para o Desenvolvimento da Defesa da Coreia do Sul, responsável por operar o ANASIS-II. Porém, as autoridades do país não compareceram ao evento, em virtude da pandemia do novo coronavírus.

Recorde quebrado

A SpaceX também teve motivos para comemorar. É que o Falcon 9 decolou usando o mesmo booster (primeiro estágio do foguete) que impulsionou o lançamento da cápsula Crew Dragon, com os astronautas da NASA rumo à Estação Espacial Internacional, em 30 de maio.

Assim, a empresa quebrou o seu próprio recorde de tempo para recuperar um booster, que era de 61 dias. A nova marca, de 51 dias, também melhora o recorde estabelecido pela NASA em 1985, quando a menor rotação entre os voos do ônibus espacial Atlantis foi de 54 dias.

O próximo passo da companhia é reduzir o tempo de recuperação do booster de semanas para dias.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
SpaceX lança 1º satélite militar da Coreia do Sul com sucesso