Novo ciclone deve atingir o sul do Brasil entre hoje e quarta

1 min de leitura
Imagem de: Novo ciclone deve atingir o sul do Brasil entre hoje e quarta
Imagem: https://pixabay.com/pt/photos/ciclone-tropical-furac%C3%A3o-isabel-63124/
Avatar do autor

De acordo os institutos de meteorologia, um novo ciclone extratropical deve chegar ao Rio Grande do Sul e avançar até São Paulo, entre a noite de hoje (06) até quarta-feira (08), gerando ventos de até 100 km/h e acompanhado de uma frente fria.

Depois da passagem do “ciclone bomba” pelo Brasil na semana passada, que deixou dez mortos e um rastro de destruição na região sul do país, brasileiros temem que a incidência de ciclones por aqui se torne uma constante. Naquela ocasião, os estados mais afetados foram o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, o que deve se repetir com essa nova onda de chuvas e ventania.

Ventos de até 100 km/h

O novo ciclone não é do tipo “bomba”, sendo, portanto, menos agressivo que o da semana passada. No entanto, os especialistas alertam para a possibilidade da ocorrência de ventos de até 100 km/h, que podem derrubar árvores e destelhar casas e outros estabelecimentos.

Além disso, em algumas cidades pode chover, em 24 horas, mais que o esperado para todo o mês de julho, o que deve ocasionar enchentes e alagamentos.

Destroços causados pelo ciclone bomba em Chapecó (SC).Destroços causados pelo ciclone bomba em Chapecó (SC).Fonte:  Prefeitura de Chapecó 

Em Santa Catarina, as áreas mais afetadas pelo temporal serão a região oeste, o planalto sul, a serra, o litoral sul e a Grande Florianópolis. Já no Rio Grande do Sul, os locais mais castigados pelo alto volume de chuvas serão o planalto, a serra, o noroeste, o litoral norte e a Grande Porto Alegre.

O período mais intenso de manifestação do fenômeno está previsto para acontecer entre a tarde de terça-feira (07) e a madrugada de quarta-feira (08). As chuvas depositadas na nascente do Jacuí, no norte gaúcho, e algumas bacias do estado, terão sua vazão escoada para o Guaíba, em Porto Alegre, dias depois.

Paraná e São Paulo também serão atingidos

A partir de quarta-feira (08), a frente fria deve seguir em direção aos estados do Paraná e São Paulo, onde as rajadas de vento devem variar de 70 km/h a 90 km/h, e os termômetros deverão registrar temperaturas bem abaixo da média.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Novo ciclone deve atingir o sul do Brasil entre hoje e quarta