Foto incrível registra aurora vista da Estação Espacial Internacional

1 min de leitura
Imagem de: Foto incrível registra aurora vista da Estação Espacial Internacional
Avatar do autor

Ter a oportunidade de observar uma aurora boreal na Terra já algo impressionante, então imagine fazer isso do espaço. Pois foi exatamente o que conseguiu a astronauta Christina Koch, da NASA. A imagem foi publicada por ela em seu perfil no Twitter.

(Fonte: Christina Koch/NASA)

O contexto incrível da imagem ainda ganhou a "ornamentação" de duas espaçonaves russas que estavam ancoradas na ISS, dando uma visão que faria qualquer pessoa imaginar se tratar de um filme de ficção científica sobre viagem espaciais.

Possivelmente ainda veremos mais imagens feitas por Koch, já que ela terá mais chances de ver o fenômeno, pois ficará na ISS até o mês de fevereiro de 2020. Como se isso não bastasse, ela ainda estabelecerá o recorde de voo espacial mais longo feito por uma mulher ao somar 328 dias no espaço.

Daqui da Terra, muitos internautas também conseguiram fazer seus registros, o que ficou ainda mais interessante, pois foi possível fazer diversas comparações entre a visão que se tem de uma aurora boreal no espaço e a que se tem do solo.

Registros da aurora boreal

Essa não é a primeira vez que uma imagem é feita de uma aurora do espaço. Em 2017, por exemplo, Jack Fischer, astronauta norte-americano, conseguiu garantir uma filmagem enquanto estava a bordo da Estação Espacial Internacional.

No ano passado, foi a vez de Alexander Gerst fazer o registro também da Estação Espacial Internacional. "É alucinante toda vez que você vê isso", comentou o astronauta sobre o registro. "Eu me pergunto o que os primeiros exploradores pensaram quando viram pela primeira vez uma aurora sem nunca terem ouvido falar sobre isso antes".

As auroras surgem a partir do encontro do plasma solar com a atmosfera terrestre. O impacto das partículas solares com os átomos atmosféricos é o que resulta em uma reação química e física, permitindo que um dos mais impressionantes efeitos visuais possam ser observados.

Lembrando que elas acontecem nos polos exatamente pela força do campo magnético que puxa as partículas solares para essas regiões do planeta. É bem provável que, nos próximos anos, graças à tecnologia, imagens desse tipo sejam cada vez mais impressionantes e recorrentes.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Foto incrível registra aurora vista da Estação Espacial Internacional