Imagine entregas sendo feitas em sua casa ou trabalho por um robozinho simpático de apenas 1 metro de altura. Pois é, isso já é quase uma realidade. A Postmates — empresa norte-americana especializada em serviços de entregas — desenvolveu um robô chamado Server para fazer esse tipo de tarefa facilmente. Com cor amarela destacada, e um par de olhos que pisca, ele tem um visual que lembra vagamente o famoso Wall-E. Ao receber uma encomenda, é preciso apenas usar um código ou celular para desbloquear seu compartimento e pegar a mercadoria. O rover pode transportar até 23 quilos, e percorrer cerca de 50 quilômetros com apenas uma carga.

Ele é equipado com processador NVIDIA Xavier, sensor LiDAR, câmeras, tela touchscreen e GPS, que permitem mapeamento de trajetória e interação com seres humanos. Isso, aliado às suas duas rodas, permite que ele se movimente com segurança entre pedestres e passe por obstáculos sem problemas. Apesar de ser muito autônomo, o Server é o tempo todo monitorado por um funcionário remotamente, que usa um controle de game para controlá-lo, se necessário.  Tem ainda um botão de ajuda e capacidade para transmitir conversas por vídeo.

O uso desse tipo de solução deve ser muito ampliado nos próximos anos. De acordo com o Wired — veículo especializado em tecnologia —, o serviço feito por robôs semelhantes deve chegar aos 85% até 2025. Essa alternativa deve ser também potencializada por outras grandes companhias, que estão investindo fortemente em formas automatizadas de delivery, como é o caso da Uber — com veículos autônomos — e a Amazon — com drones de entrega.

A empresa responsável por sua criação já tem uma considerável experiência no segmento, trabalhando com uma frota de automóveis e rovers para recolhimento e entrega dos mais variados itens tanto nos Estados Unidos quanto no Canadá. Inicialmente, pretende experimentar seu Server em trabalhos para clientes na cidade de São Francisco, na Califórnia.