Um perigo detectado e relatado pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos é o fato perfeito para lembrar as pessoas dos riscos que envolvem produtos conectados. Se por um lado, a Internet das Coisas vem para facilitar e tornar mais prática a vida das pessoas, o fato de tudo estar interligado sem o uso de fios exige medidas de segurança impecáveis, especialmente se o dispositivo em questão é o que nos mantém vivos.

Assim, a FDA (Food and Drugs Administration) publicou um aviso dizendo que modelos de marca-passo da Abbott (a empresa anteriomente conhecida como St. Jude Medical) possuem uma falha em seu software de funcionamento que pode permitir a intervenção de hackers, ou seja, é possível invadir e desativar esses dispositivos implantados no corpo de quem possui problemas cardíacos.

Atualização necessária

O problema é assustador: quase 500 mil pessoas utilizam marca-passos que apresentam esse problema e a Abbott já anunciou uma espécie de “recall” do produto. Com isso, pacientes que utilizem esse dispositivo devem visitar seus médicos para realizarem uma atualização em seu firmware, o que deve corrigir o risco de invasão.

O aumento do uso de softwares e tecnologia sem fio em dispositivos médicos podem, também, oferecer cuidados de saúde mais seguros

“A FDA lembra aos pacientes, cuidadores de pacientes e prestadores de cuidados de saúde que qualquer dispositivo médico conectado a uma rede de comunicações (por exemplo: Wi-Fi, internet pública ou doméstica) pode ter vulnerabilidades de segurança cibernética que poderiam ser exploradas por usuários não autorizados ", diz o relatório da FDA. “Porém, o aumento do uso de softwares e tecnologia sem fio em dispositivos médicos podem, também, oferecer cuidados de saúde mais seguros, eficientes, convenientes e oportunos”.

Ainda não houve nenhum relato de algum marca-passo afetado por causa dessa falha de segurança, mas o incidente fica como exemplo de que dispositivos médicos conectados sem fio e sem a devida segurança podem apresentar riscos muito maiores do que imaginamos.

Cupons de desconto TecMundo: