(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Nove de janeiro começou cedo. Bem cedo! Acordamos às 5h45 da manhã para nos aprontar e correr de táxi para o hotel The Venetian, local onde aconteceriam todas as conferências de imprensa.

As filas eram intermináveis, como sempre. A média de tempo para entrar em um dos anfiteatros era de uma a duas horas — isso se você tivesse a sorte de conseguir um lugar, pois eles são contados a dedo. Gerenciar a bateria, caçar tomadas e tentar acesso Wi-Fi também era importante, então não dava para se manter muito conectado. 

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Primeira conferência: LG Electronics

A sul-coreana Life’s Good tinha algumas cartas na manga e com certeza foi um dos melhores shows do evento. Sua televisão de 84” com ultradefinição é um colírio para os olhos e o 3D é o melhor que já vimos, com cores lindas e profundidade natural e maravilhosa.

Nota também para o smartphone Spectrum, que possui tecnologia IPS e uma das telas mais alucinantes já produzidas para celulares, sendo melhor que a Retina Display do iPhone. O aparelho estará disponível nos EUA pela AT&T em fevereiro.

Uma nova tecnologia para eletrodomésticos também chamou a atenção da equipe Tecmundo. Trata-se da Blast Chiller, sistema de refrigeração de latinhas e garrafas em apenas 5 minutos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Intel apresenta o poder da nova categoria de computadores

Ultrabooks, ultrabooks, ultrabooks! A Intel está criando uma doutrina para mostrar que a nova era de notebooks portáteis é ancorada pelos processadores da linha Core.

Com mais de 75 modelos diferentes em 2012, os laptops ultrafinos fabricados por empresas do planeta inteiro vão ganhar ainda mais recursos em breve: telas touchscreen, acelerômetros, NFC,  GPU dedicada, reconhecimento de voz e gestos. O ano vai ser cheio.

Samsung, a rockstar da CES

Pausa para um “almoço” deitados no chão do hotel. Chegou a hora de seguir para o que consideramos a melhor apresentação até então. O palco era repleto de telas gigantes e os slides eram dignos de keynotes da Apple.

A conferência foi um espetáculo à parte. Pensando nos mínimos detalhes, porém com simplicidade, a empresa sul-coreana utilizou um conceito de casa para explicar o novo slogan “Ultrapassando limites”.

De acordo com a Samsung, a base desta casa seria a conectividade, que sustenta os serviços e o conteúdo. Partindo dessa premissa, foram apresentadas as novas televisões inteligentes (SmarTVs), com processadores  dual e quad-core, loja de aplicativos mais recheada e reconhecimento de voz e gestos. 

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

A cereja do bolo foi a revelação da primeira televisão Super OLED do mundo, que espantou pela qualidade do brilho e da cor preta. Foi singular — talvez o momento mais impressionante da CES, pois o pessoal aplaudiu muito na plateia.

E não ficamos só por aí: os ultrabooks da série 9 e 5 e os novos monitores esbanjaram criatividade ao explorar conceitos de marketing como “o laptop que somou 30 mil horas de trabalho para ser construído”, referente ao ultrabook mais fino da empresa.

Só ficamos decepcionados com o Galaxy Note e o Galaxy Pad 7.7, apresentados durante a IFA 2011 e “recauchutados” na CES. Em suma, saímos otimistas e crentes que a Samsung tem um grande papel a desempenhar no mundo tecnológico nos próximos meses.

Menções “honrosas”

As conferências da Panasonic, Nokia, Fujifilm, Sharp e Sony — embora com uma surpresa aqui e ali — não corresponderam às expectativas do gigantismo de suas marcas, Portanto, não merecem muitos comentários neste artigo. Assim como veríamos no dia seguinte, muitos dos produtos apresentados são requentados do ano passado.

Exceção para a nova linha Xperia e a televisão de CrystalLED da Sony, o celular Lumia 900 da Nokia e as televisões Quattron da Sharp, que foram renovadas. Depois da correria, hora de entrar em mais uma fila gigante, pois o evento principal de abertura, a conferência da Microsoft, estava para começar...

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

O fim de uma era

Quando o presidente da CEA (associação que mantém a feira) entrou no palco para anunciar Steve Ballmer e lamentou que a Microsoft não estaria presente a partir do ano que vem, como havíamos publicado, o que já era óbvio se concretizou: uma hora e meia de puro tédio.

Sejamos sinceros, vamos falar a verdade por aqui. Para uma empresa como a Microsoft, um evento desses não faz sentido para anúncios, visto que ela dividirá sua atenção com centenas de outras empresas. Uma lição que foi aprendida pela Apple e que pode muito bem vir a ser tendência para as outras grandes do setor futuramente.

Entre os mortos e feridos, tivemos apenas três novidades que nos fizeram ficar de olho abertos: o Kinect vai ser suportado oficialmente pelo Windows já a partir de 1.º de fevereiro, Vila Sésamo Kinect foi anunciado para Xbox 360 e o último Milestone antes da versão Beta do Windows 8 sairá no próximo mês.

Olhando para os anos anteriores, isso significa que o lançamento do novo Windows deve acontecer lá pelo mês de novembro, visando as festividades de fim de ano. Para finalizar o dia, como ninguém é de ferro, nos empanturramos com as delícias do restaurante Max Brenner.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

A feira começou

Os estandes estavam prontos para  público geral no dia 10 de janeiro e nós fomos dar uma boa passeada para conferir as novidades de perto. Mas quais são as novidades? Essa é uma pergunta que infelizmente teremos que responder com tristeza, por enquanto.

Se você acessa o Tecmundo com frequência, provavelmente não se surpreenderá muito com o que a CES 2012 está oferecendo. Isso porque muitos produtos foram oficialmente anunciados ano passado e estão sendo reapresentados, como é o caso do PS Vita, Galaxy Note, Sony Tablet S, Windows Phones e até mesmo o Windows 8.

É claro que muita coisa legal de pequenas empresas está rolando e ainda pode nos surpreender, porém são poucos os gadgets inovadores que nos deixam boquiabertos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Intel avança no mundo portátil

Enquanto uma parte da equipe estava conferindo os estandes da feira e pegando autógrafos com o rapper 50 cent, a outra se dividiu e foi assistir ao keynote de Paul Otellini, presidente da Intel. Desta vez, o foco não foi apenas os ultrabooks, mas sim a chegada da Intel aos smartphones e tablets.

Na conferência, conhecemos o primeiro smartphone com chip Intel, o K800 da Lenovo, a estrear no mercado chinês, o maior do mundo. A Dell aproveitou também para mostrar o ultrabook XPS 13 com fibra de carbono.

Por último, will.i.am anunciou o Ultrabook Project, projeto no qual vai levar o ultrabook a 12 cidades em 12 países, para compor uma canção utilizando o aparelho. O resultado dessa experiência você confere no site oficial do evento.

Agora vamos descansar, amanhã é dia de visitar muitos estandes para testar produtos. Até a próxima!

Cupons de desconto TecMundo: