Modéstia a parte, a cobertura do Baixaki na Consumer Electronics Show 2011 foi espetacular. Nossa equipe trabalhou para noticiar todas as novidades e com isso chegamos a mais de 260 notícias sobre os eletrônicos e demais produtos apresentados durante o evento.

Além disso, contamos com dois correspondentes em Las Vegas para obter acesso exclusivo a uma enormidade de materiais. Claro que toda essa experiência foi produtiva e você pôde conhecer tudo que as maiores fabricantes do mundo estão preparando.

Cobertura do Baixaki na CES - Um tremendo sucesso!

Fonte da imagem: reprodução do site oficial da CES

Todavia, nem tudo que foi apresentado durante o evento e em nossos artigos são novidades que chegarão ao Brasil. Aliás, muitos dos produtos nem sequer têm expectativas para o mercado internacional.

Isso é perfeitamente normal, pois as empresas que desenvolvem as novidades sabem dos riscos ao lançar algo que seja inusitado. Algumas vezes, inclusive, demonstram novas tecnologias apenas para mostrar alguma característica que será adicionada em um eletrônico ainda a ser desenvolvido.

Em meio a tudo isso, fica difícil saber o que realmente vai chegar a terras tupiniquins. Sendo assim, decidimos selecionar gadgets e tendências interessantes para os brasileiros e também os principais produtos que vão mover o restante do mundo — e que futuramente virão para o Brasil.

A vez do 3D com mais qualidade e sem óculos

Enquanto muitos vêm reclamando dos filmes tridimensionais que estão aparecendo nos cinemas, as fabricantes aproveitaram o ano de 2010 para desenvolver e aperfeiçoar tecnologias para as televisões 3D. Grande parte dos novos produtos contará com óculos “passivos”, os quais reduzirão o cansaço na vista e possibilitarão imagens mais nítidas.

Novo televisor 3D da LG

Fonte da imagem: divulgação/LG

Além disso, as próprias televisões devem ganhar atualizações nas especificações, exibindo imagens mais brilhosas e contínuas para que os espectadores tenham experiências mais confortáveis. Claro que, uma coisa não deve mudar: cada fabricante forçará os consumidores a utilizarem óculos específicos da marca do televisor.

No entanto, as notícias na feira CES foram animadoras até nesse sentido. A empresa XpanD anunciou que lançará óculos compatíveis com diversas marcas. A fabricante já havia criado um produto do tipo antes, mas os novos óculos prometem ser configuráveis através do Android, de modo que o usuário poderá efetuar ajustes para melhorar as imagens tridimensionais.

Óculos compatível com todas as marcas

Fonte da imagem: divulgação/XpanD

Na CES, muitos holofotes estavam voltados às novas TVs 3D. Diferente dos atuais modelos disponíveis no mercado, as fabricantes agora apostam em modelos que eliminarão a necessidade de óculos para a simulação de profundidade. Infelizmente as novidades, anunciadas pela Toshiba, indicam uma tela com no máximo 20 polegadas, porém a novidade é uma surpresa incrível para quem está ansioso pelo 3D.

Tela 3D da Toshiba que dispensa o uso dos óculos

Fonte da imagem: divulgação/Toshiba

Evidentemente, a tecnologia “3D sem óculos” já foi apresentada antes, e como você bem deve lembrar, pela Nintendo. O Nintendo 3DS utilizará a pequena tela para inovar com gráficos de profundidade tridimensional. Durante a CES, o portátil deu as caras novamente, mas desta vez ele veio apenas para a demonstração de novos jogos. Como todos já sabem, o 3DS está previsto para fevereiro no Japão e março nos EUA.

No Brasil: televisores 3D ganharão algum espaço, ainda que para muitos o preço não seja acessível. Alguns novos modelos 3D podem chegar para quem procura por produtos top de linha. Novo console da Nintendo deve chegar por importação a um preço exorbitante.

No Mundo: televisores 3D “antigos” sairão de linha para dar vez aos novos modelos. Nintendo 3DS deve dominar em vendas de portáteis.

As televisões inteligentes ganham atenção especial

Enquanto os smartphones estão chegando ao Brasil, as televisões com sistemas operacionais aportam em terras americanas e européias. Durante a CES o número de fabricantes e empresas do ramo que anunciaram TVs com o sistema Android foi impressionante.

Essas TVs “inteligentes” contarão com processador próprio, adaptador Wi-Fi interno e controle remoto repleto de funções. Através da internet, os consumidores poderão aproveitar tudo que a IPTV tem a oferecer.

Aplicativos e controle remoto especial

Fonte da imagem: divulgação/VIZIO

Os novos televisores devem ter suporte para aplicativos (que poderão ser adquiridos através de lojas ao estilo AppStore) e acesso facilitado para os principais serviços de TV. Quando falamos em serviços, você deve pensar nas redes americanas como o NetFlix, o Hulu e a BlockBuster. Estas três “redes” de conteúdo terão seus próprios apps nas TVs, em muitas delas, inclusive, os softwares virão instalados por padrão.

No Brasil: televisores com sistema operacional podem chegar ainda em 2011 no Brasil, todavia, serviços de filmes e conteúdo multimídia podem não estar disponíveis em terras tupiniquins na mesma época. Algumas notícias indicam que teremos NetFlix e outros serviços do gênero muito em breve.

No Mundo: países europeus e os EUA já possuem diversos aparelhos compatíveis com serviços ao estilo “NetFlix” e as novas TVs chegarão com tudo em 2011 para complementar a experiência dos consumidores.

O 3D até nas câmeras e filmadoras

A exibição de imagens mudou para três dimensões e para acompanhar esta evolução, muitas fabricantes estão lançando câmeras e filmadoras tridimensionais. Isso era um passo já esperado, afinal, de nada adianta reproduzir conteúdo 3D sem ter o que reproduzir.

Obviamente, as produtoras de filmes já estão lançando – e continuarão investindo em – filmes 3D, todavia as empresas querem que o consumidor desfrute das três dimensões em uma filmadora própria, afinal, hoje todo mundo pode ser um fotografo ou um cineasta.

Filmadora 3D da Sony

Fonte da imagem: divulgação/Sony

Sendo assim, as câmeras 3D também ganharam destaque na CES. O visual das filmadoras tridimensionais impressiona, pois com duas lentes enormes na frente do aparelho, qualquer um fica pensando o que exatamente o produto faz. Para quem já sabia como funcionava a tecnologia 3D, as filmadoras não foram uma grande novidade, todavia, saber que fabricantes como a Sony investirão na alta qualidade de vídeos 3D amadores é algo bem interessante.

No Brasil: se as TVs 3D vão demorar um tempo considerável para apresentar lucros por aqui, as filmadoras tridimensionais devem ter um atraso significativo para chegar no Brasil. Até porque, de nada adianta as fabricantes lançarem um produto que grava 3D em um local onde não há onde reproduzir o conteúdo.

No Mundo: assim como as TVs 3D serão populares, as filmadoras com tal tecnologia devem fazer um sucesso de imediato nos EUA.

O smartphone virou super!

Quem acabou de comprar um Samsung Galaxy S ou um Motorola Milestone 2 talvez não tenha nem passado perto de notícias sobre smartphones. Isso porque, as novidades da área significam que os atuais modelos serão deixados para trás e que novos celulares inteligentes estarão no topo.

Na CES 2011, os novos smartphones foram muito além da expectativa, sendo considerados por alguns como superphones. Evidentemente, o termo foi utilizado para definir o alto desempenho apresentado nos novos aparelhos.

LG Optimus 2X

Fonte da imagem: divulgação/LG

Foi o caso do novo aparelho da LG, o Optimus 2X, o qual foi utilizado durante a demonstração da NVIDIA. Apresentando gráficos semelhantes ao que vemos nos computadores e no Playstation 3, o novo aparelho foi o centro das atenções no evento. Ele utiliza o processador NVIDIA Tegra 2 que conta com dois núcleos e opera com frequência de 1 GHz.

Definitivamente, os superphones prometem alcançar um novo patamar em entretenimento portátil. Considerando o alto desempenho, é desnecessário dizer que os superphones terão saída com resolução 1080p, novo padrão de rede sem fio e suporte para conexão às redes 4G, não é mesmo?

Motorola Droid Bionic

Fonte da imagem: divulgação/Motorola

E a LG não foi a única com a apresentar smartphones com processadores dual core. A Motorola teve grande destaque na feira com o Droid Bionic, um modelo que será lançado nos EUA para operar na rede da Verizon.

Tanto o novo aparelho da Motorola quanto outros exibidos pela Samsung e demais marcas já vêm com tela de 4,3 polegadas, o que possibilitará um amplo espaço para a exibição de vídeos em alta definição e games repletos de detalhes.

Jogo demonstrado durante a CES

No Brasil: novos smartphones devem chegar por aqui, principalmente alguns dos tantos apresentados pela Motorola e pela Samsung. Talvez o LG Optimus 2X chegue por importação, pois oficialmente ele deve ser lançado apenas na Europa e Ásia em 2011.

No Mundo: uma enxurrada de superphones e smartphones chegará aos EUA, à Europa e, obviamente, à Ásia — afinal, muitas das empresas que criaram os novos aparelhos estão neste continente.

O 3G dá vez ao 4G!

O número de smartphones apresentado na Consumer Electronic Show foi impressionante. Cada empresa anunciou diversos modelos, com diferentes sistemas operacionais, muitas funções inovadoras, designs exclusivos e tudo o que se tem direito. Apesar de muita coisa ter chamado a atenção, fica difícil não ter notado que as fabricantes e empresas de telefonia quiseram falar muito do 4G.

Samsung 4G LTE

Fonte da imagem: divulgação/Samsung

Isso mesmo, a quarta geração de telefonia móvel está chegando, o que significa que teremos mais velocidade para acessar a internet e qualidade impecável para chamadas de todos os tipos. Com valores que chegam a representar 10 vezes o que é oferecido pelo atual 3G, a nova tecnologia para celulares promete reinar sobre as atuais formas de acesso móvel.

No Brasil o 3G ainda não foi adotado por todos, mas algumas pessoas já preferem um plano de internet móvel do que um residencial. Com o 4G os consumidores devem ficar conectados por muito mais tempo e sem a necessidade de redes Wi-Fi. Claro que a tecnologia chegará primeiro aos EUA, todavia a quarta geração não deve demorar em aportar em nosso país.

No Brasil: não há quaisquer informações sobre a chegada oficial do 4G no Brasil, porém é certo que quando os aparelhos começarem a chegar, possivelmente, no ano que vem, o 4G acabará sendo uma realidade brasileira – ainda que não absoluta.

No Mundo: ainda este ano a tecnologia estará disponível em diversas redes de telefonia dos EUA. Não há informações sobre as empresas europeias, no entanto, países como a Inglaterra, Alemanha e demais devem receber o 4G muito em breve.

Cada fabricante com seu tablet

Se em 2010 a febre dos tablets não atingiu a grande maioria, em 2011 vai ser difícil resistir a um dos tantos gadgets mostrados na CES. Apesar de a indústria não estar muito segura quanto aos dispositivos sem teclado e com telas sensíveis ao toque, os consumidores já vêm notando que tais produtos são muito fáceis de utilizar.

Durante a feira, fabricantes como a Motorola, a RIM (responsável pelos BlackBerrys), a Acer e a Toshiba exibiram tablets prontos para atender a todos os públicos e gostos. Isso sem falar nos modelos que já eram esperados por parte da Dell, da Samsung, da HP e de outras marcas que nem sequer chegam por aqui.

BlackBerry PlayBook - O tablet profissional da RIM

Fonte da imagem: reprodução do site oficial da RIM

Os novos tablets devem ser muito superiores ao que conhecemos atualmente, sendo que alguns contarão com chips dual core — leia NVIDIA Tegra 2. Evidentemente, muitos modelos contarão com Android (2.2 ou 2.3) e alguns virão com o Windows 7.

No Brasil: novos tablets devem chegar durante o ano, ainda que não se saiba quais empresas tenham planos para abranger nosso país, espera-se que ao menos algum modelo com Tegra 2 chegue por aqui ainda em 2011.

No Mundo: dezenas de tablets chegarão aos EUA neste ano. Alguns podem aparecer em janeiro e fevereiro, todavia muitos produtos não têm data específica de lançamento. Apesar disso, as fabricantes (em sua maioria) disseram que os novos tablets serão comercializados em 2011.

Os carros do futuro também conectados

Nos EUA eles já são uma realidade. Apesar de que o número de carros elétricos seja bem reduzido, a tendência é que eles comecem a ganhar espaço na garagem dos motoristas de diversos países. Infelizmente no Brasil, os carros movidos à energia elétrica estão em fase de testes, porém com novidades surgindo lá fora, fica fácil sonhar com a chegada de novos modelos ao Brasil.

Durante a CES foram demonstradas diversas tecnologias para possibilitar recargas mais eficientes. Dentre elas, vale um destaque para o investimento da GM (também conhecida como Chevrolet) que “apostou” 5 milhões de dólares na empresa Powermat. A ideia da GM é que rodovias muito longas possuam sistema de recarga por indução (a energia chega ao carro sem a necessidade de contato físico).

Energia sem fio e limpa

E falando em energia por indução, outra tendência para os eletrônicos está no modo de recarga. Enquanto as indústrias automobilísticas investem em recargas nas rodovias, as fabricantes de eletrônicos aplicam quantias significativas para dispensar o uso de carregadores com fios.

Apesar de parecer uma ideia genial, existe um pequeno empecilho: a falta de padronização nos carregadores por indução. Não que isso não seja um grande problema, afinal poucos dispositivos têm suporte para esta tecnologia, todavia, seria interessante que quaisquer dispositivos pudessem aproveitar um mesmo carregador.

MyGrid da Duracell

Fonte da imagem: divulação/Duracell

Além da energia por indução, a CES serviu para mostrar a “preocupação” das fabricantes em investir na produção de energia “limpa”. Tecnologias que utilizam energia solar e baterias aperfeiçoadas são algumas das novidades que certamente são uma tendência para um futuro breve. E um destaque especial para a nova tecnologia de carregador wireless da Qualcomm, Powermat e Duracell, que promete ir muito além da "simples" indução.

A evolução do hardware

Dentre tantos eletrônicos ainda sobrou um espaço para mostrar um pouco dos responsáveis pelo grande salto no desempenho dos produtos. Sim, estamos falando dos processadores, os quais tiveram um foco especial na Consumer Electronic Show 2011.

Intel, AMD e NVIDIA marcaram presença com novos modelos que estarão presentes em desktops, netbooks, notebooks, televisores, smarphones, tablets e outros tantos aparelhos. A Intel e a AMD mostraram e demonstraram as APUs, processadores que unem GPU e CPU. A AMD, que já vem anunciando há um bom tempo sobre a “fusão” entre os dois ramos, teve forte presença em notebooks da Toshiba, HP e outros marcas.

Fusion - A APU da AMD

Fonte da imagem: reprodução/AMD

A fabricante de processadores gráficos, NVIDIA, não ficou para trás. Apesar de não apresentar APUs, a empresa relatou que vai lançar processadores ARM de alto desempenho para o mercado dos portáteis. Os novos chips da NVIDIA devem ter excelente capacidade para processamento gráfico.

Detalhe: a Qualcomm e a Samsung (pioneiras e maiores fabricantes do ramo) também estão lançando novos processadores ARM, inclusive modelos dual core.

E com o anúncio da NVIDIA, a Microsoft também se pronunciou, relatando que adicionará o suporte para processadores ARM no novo Windows. Isso significa, que mais dispositivos poderão executar o sistema operacional mais utilizado no mundo.

NVIDIA Tegra 2

Fonte da imagem: divulgação/NVIDIA

Uma tendência que ficou bem clara durante a CES foi justamente a questão da combinação entre chips para um futuro próximo. Assim como CPU e GPU estão se unindo agora, outros componentes poderão fazer parte de um mesmo item em novos eletrônicos, o que significa pouco espaço ocupado, pouca energia utilizada, alto desempenho e outros benefícios.

No Brasil: como citado anteriormente, existe a possibilidade de que alguma fabricante lance smartphones ou tablets baseados no NVIDIA Tegra 2. Quanto aos processadores da AMD e Intel, fica óbvio que estes modelos estarão disponíveis em muitos desktops e notebooks — os quais certamente serão vendidos aqui no Brasil. Apesar dessa certeza, não temos como definir datas específicas para a chegada dos produtos, porém as APUs chegaram para ficar.

No Mundo: 2011 será o ano para a introdução dos novos processadores dessas três gigantes. Intel, AMD, Samsung, Qualcomm e NVIDIA são os nomes que dominarão os eletrônicos mundo afora. Muitos tablets, notebooks, smartphones e televisores chegarão ainda no primeiro semestre deste ano, grande parte deles com processadores anunciados durante a CES.

O Mundo todo usando Android

Muito bem, se você acompanhou boa parte das notícias sobre a CES no Baixaki e leu todo este artigo até aqui, já deve ter percebido que o sistema operacional da Google está dominando os gadgets. Televisores, tablets, smartphones, eletrodomésticos e outros tantos aparelhos contarão com o Android em breve e isso é uma novidade excelente.

Talvez você não tenha notado, porém todos os eletrônicos usando um mesmo sistema só quer dizer uma coisa: o futuro é a interconexão entre os dispositivos. E o impacto no mercado será enorme, pois os consumidores não necessitarão mais optar por produtos de uma mesma marca para que haja o compartilhamento de funcionalidades.

Vale lembrar que muitos eletrônicos anunciados na CES já virão com o Android 2.3 (Gingerbread), porém o que muitos esperam é a terceira versão do sistema da Google, que promete revolucionar e deixar quaisquer sistemas para trás. Aguardemos por novidades!

Pronto para a tecnologia?

A CES acabou, as novidades agora não são tão novas e as notícias já são velhas, porém os eletrônicos ainda não estão disponíveis, o que significa que muito está por vir. O Baixaki vai continuar ligado no mundo da tecnologia e em todas as feiras importantes do ramo. O que você achou desta superseleção sobre tendências e apostas do Baixaki? Você está pronto para as novidades? Deixe sua opinião!

Cupons de desconto TecMundo: