Há alguns dias já sabemos que o tão aguardado smartphone com capacidade 3D da Amazon deve ser apresentado amanhã (18) em um evento em Seatle, nos EUA. E como acontece com quase tudo nessa era dominada pela internet, várias informações sobre o produto vêm sendo vazadas antecipadamente. Agora, o Wall Street Journal revelou que o aparelho da gigante do comércio digital deve ser exclusivo da operadora norte-americana AT&T.

A Amazon já possui um relacionamento com a empresa de telefonia, com o oferecimento de serviço sem fios para os tablets e leitores digitais, mas um acordo de exclusividade entre as duas seria uma expansão considerável dessa parceria. Ainda não ficou claro se a gigante do comércio digital também vai disponibilizar um modelo ser cartão SIM do novo aparelho em sua loja online, portanto essa possibilidade ainda não pode ser totalmente descartada.

Imagem divulgada pela Amazon com o provável design final do dispositivo

Embora as grandes empresas na indústria de smartphones costumem oferecer seus aparelhos para todas as maiores operadoras nos Estados Unidos, também não é incomum a realização de acordos de exclusividade para novidades no mercado. Caso o acordo seja comprovado, isso certamente significa uma má notícia para os fãs brasileiros que estão ansiosos pelo dispositivo, já que atrasaria consideravelmente sua chegada oficial ao país.

Vislumbres do futuro

O que se sabe do smartphone até o momento é que ele deve contar com quatro câmeras acopladas, que servem para dar suporte à interface tridimensional por meio do rastreamento de retina, eliminando a necessidade de óculos especiais. A reação de algumas pessoas ao recurso foi divulgada pela Amazon em um vídeo recente, que você pode ver logo abaixo – repare no leve reflexo do celular nos óculos da mulher que aparece aos 42 segundos.

Além do recurso 3D responsivo, rumores indicam que o dispositivo deve ter uma tela de 4,7 polegadas com resolução de 1280x720 pixels, processador Qualcomm Snapdragon (sem detalhes sobre o modelo), 2 GB de memória RAM. Por fim, o celular deve vir rodando uma versão do Android altamente customizada.

Fontes do BGR haviam informado anteriormente que um dos pontos de destaque na campanha de venda do aparelho seria um plano especial de dados chamado “Prime Data”. Com as informações do Wall Street Journal a respeito da parceria entre Amazon e AT&T, os boatos agora sugerem que o plano seria uma oferta de streaming gratuito de vídeos e músicas especiais, transmitidos sem gastar os limites de informação da internet móvel dos usuários.

Para ter um feliz Natal

Segundo o Wall Street Journal, a Amazon pretende começar a liberar o smartphone a partir de setembro, bem a tempo de encher os estoques das lojas para as festas de fim de ano. No entanto, até o momento não há quaisquer informações sobre preços do aparelho ou do plano telefônico especial. Mais detalhes devem ser revelados amanhã e o TecMundo estará atento.

Cupons de desconto TecMundo: