Vamos pensar no seguinte cenário: você acabou de comprar um smartphone top de linha, como um Samsung Galaxy S7 Edge ou um LG G5 — mesmo que eles ainda não estejam por aqui, vamos considerar esta hipótese. Com tudo que há de mais novo no mercado em mãos, e após ter pago uma bela bagatela pelo aparelho, você ainda pretende trocá-lo no ano seguinte? Provavelmente, não.

Essa pode ser uma das razões que indicam o porquê de o mercado de smartphones não crescer neste ano. Segundo a Quarterly Smartphone, as receitas de vendas do último trimestre de 2015 caíram 0,2% — quando comparadas com o final de 2014 — e totalizaram US$ 115,2 bilhões. Por isso, é esperada uma estagnação para 2016.

Porém, se o valor não subiu, o número de vendas de aparelhos cresceu 6%, fechando em 368 milhões de unidades no mercado. De acordo com a pesquisa, o "lucro" não veio porque o preço médio de celulares caiu, em prol do bolso do consumidor.

"Mas e a Apple, que não diminuiu o preço dos iPhones?", você pode estar se perguntando. A Maçã segue a tendência e não projeta um ano de crescimento sobre a divisão de celulares — as ações da companhia de Tim Cook caíram 26% neste mercado desde o ano passado.

Você troca de smartphone todo ano? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: