Um relatório divulgado esta semana pela Canaccord Genuity afirma que a Apple tem poucos motivos para se preocupar com a competição no mercado mobile. Segundo o estudo, a Gigante de Cupertino conquistou nada menos que 94% dos lucros da indústria durante o terceiro trimestre fiscal de 2015.

Em comparação, no mesmo período do ano passado a companhia havia conquistado 85% dos lucros do segmento — prova de que ela continua a expandir seu poder. O resultado é bastante impressionante quando se leva em consideração que a empresa é responsável por somente 14,5% dos carregamentos de smartphones em um âmbito global.

Entre os fatores que ajudam a Apple a conquistar essa posição privilegiada está o fato de que o preço médio mundial do iPhone é de US$ 670 e que ela trabalha com uma margem de lucro de 37%. Dessa forma, a companhia não precisa necessariamente vender um volume muito alto de aparelhos para conseguir lucrar com eles.

Em comparação, a Samsung — maior fabricante de celulares do mundo — tem aparelhos com preço médio de US$ 180, o que a torna mais dependente de grandes quantidades de vendas. Outras fabricantes, como a Sony, Microsoft, BlackBerry, Motorola, LG e HTC não registraram lucros muito grandes no último trimestre ou tiveram prejuízos — motivo pelo qual a pesquisa da Canaccord Genuity trabalha com porcentagens que ultrapassam os 100%.

Resta esperar para ver se a Apple vai conseguir manter os bons resultados com o lançamento do iPhone 6s e do iPhone 6s, que chegaram há poucos dias em terras brasileiras. Segundo alguns relatórios de empresas especializadas, os dispositivos registraram vendas recordes em um momento inicial, mas o interesse dos consumidores por ele parece estar diminuindo em ritmo mais rápido do que no passado.

O que você pensa sobre essa notícia? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: