Em um vídeo explicativo para funcionários da Apple, Tara Bunch, chefe do “AppleCare+”, comentou que três novos países passarão a integrar o programa: Brasil, Espanha e Turquia. Com isso, os consumidores dessas três localidades poderão comprar junto com seus iPhones, iPads e Apple Watches uma espécie de garantia contra acidentes.

Dessa forma, quem deixar seu dispositivo cair e quebrar poderá trocar por uma unidade nova pagando apenas uma taxa complementar, bem inferior ao valor de um aparelho novo.

Por exemplo, nos EUA, o AppleCare+ requer que o cliente pague US$ 99 (R$ 347) no ato da compra do iGadget e permite realizar até duas trocas pagando mais US$ 79 (R$ 277) em cada oportunidade. Esse programa vale por dois anos a partir da data de compra.

De um país para outro

Outra novidade que Bunch explicou no vídeo é que, a partir de agora, será mais simples transferir a garantia do AppleCare+ de um país para outro. O procedimento será realizado de forma padronizada e poderá ser levado de qualquer país para qualquer país em que haja cobertura. Basicamente, se você for aos EUA e comprar um iPhone com essa garantia, poderá usufruir dela aqui no Brasil sem maiores complicações.

Ainda assim, por enquanto não há uma data certa nem uma previsão para quando a Apple passará a oferecer o serviço no Brasil ou nos outros dois países novatos.

Cupons de desconto TecMundo: