As empresas de tecnologia normalmente têm a fama de serem os melhores lugares para se trabalhar. No caso das gigantes da informática, as vagas são superdisputadas por jovens que buscam o melhor início de carreira possível. Entre as instituições mais cobiçadas estão o Facebook, a Google, a Microsoft e, claro, a Apple.

Relatos de alguns ex-estagiários da empresa da Maçã esclarecem para os curiosos como é ter essa função em uma das maiores companhias de tecnologia do mundo. Apesar das muitas vantagens e dos altos salários, nem tudo são flores ao trabalhar na Apple, que exige um grau altíssimo de discrição em relação às tarefas realizadas lá dentro.

De bico calado

Como uma das principais armas da empresa é a surpresa causada nos futuros consumidores com dispositivos novos e impressionantes, nada do que acontece lá pode ser discutido do lado de fora. Os próprios funcionários às vezes trabalham no escuro – muitos não fazem ideia do que realmente é aquilo que estão desenvolvendo.

Nem tudo são flores ao trabalhar na Apple, que exige um grau altíssimo de discrição em relação às tarefas realizadas lá dentro.

Esse método, além de garantir que informações preciosas não vazem indevidamente, trata-se de uma técnica de gerenciamento aparentemente muito eficaz. Certas áreas ou salas da empresa não são acessíveis a pessoas de outros setores. Alguns funcionários trabalham anos em certa parte de um futuro dispositivo e só descobrem do que se trata quando a novidade é apresentada ao público.

Todo esse segredo é levado a sério por todo mundo. Fotos são terminantemente proibidas dentro dos edifícios da Apple e nada de sair postando suas realizações nas redes sociais ou mesmo em seu currículo pessoal. Comentar com os amigos, nem pensar!

Uma entrevista bem comum

O processo de seleção feito pela Apple é bastante diferente do das outras empresas da área. Ao contrário do que acontece no Facebook ou na Google, que fazem entrevistas mais generalizadas e informais, de modo que o contratado seja alocado posteriormente em um cargo específico, na empresa de Tim Cook tudo é mais direcionado.

O possível funcionário é avaliado pelo próprio gerente do setor já com sua função definida. Segundo ex-estagiários, não há muito segredo. O papo dura de uma a duas horas e o principal assunto discutido são as experiências anteriores do candidato.

A recompensa

Quanto ao pagamento, tudo aquilo que falam por aí é real: a Apple remunera extremamente bem seus funcionários, inclusive estagiários, que recebem um salário de US$ 38 por hora, cerca de R$ 118. Considerando uma semana de 40 horas ou mais, além dos benefícios, a soma mensal atinge incríveis US$ 6,7 mil, em torno de R$ 21 mil, um salário que muitos gerentes não passam nem perto de receber aqui no Brasil em uma empresa menor.

O ambiente agradável e o reconhecimento do trabalho são os principais pontos que pesam para o funcionário ficar lá dentro.

Estagiários podem receber hora extra normalmente e a empresa paga 50% a mais sobre o tempo trabalhado além do combinado. Um funcionário que trabalhar 60 horas semanais pode dobrar o valor do seu salário e juntar uma boa grana para futuros projetos e investimentos.

Outros custos também são bancados pela Apple, que paga US$ 1.000 – cerca de R$ 3,1 mil – para gastos com aluguel de moradia, caso o estagiário não queira dividir com colegas de trabalho a casaque a empresa fornece. Pessoas que forem contratadas em outro país também recebem uma ajuda de custo de até US$ 3 mil – em torno de R$ 9,3 mil – para bancar o deslocamento até Cupertino, na Califórnia, cidade onde se encontra a Apple.

Fidelidade aflorada

É interessante ver que os funcionários da Apple são muito fiéis a seus cargos e normalmente permanecem por anos a fio trabalhando para a empresa. É muito comum em outras companhias desse setor que colaboradores tenham uma passagem rápida antes de partirem para projetos pessoais ou mesmo outros lugares com novos desafios ou propostas diferentes.

Um funcionário que trabalhar 60 horas semanais pode dobrar o valor do seu salário.

O ambiente agradável e o reconhecimento do trabalho, seja profissional ou financeiro, são os principais pontos que pesam para o funcionário ficar lá dentro. Estando todos felizes e contentes, não há motivo para abandonar o barco, certo?

.....

E você, sonha com um estágio em uma empresa grande como a Apple? Conte para nós nos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: