(Fonte da imagem: Reprodução/PhoneArena)

Acidentes envolvendo carregadores falsificados para produtos Apple já estão virando rotina em várias partes do mundo. A mais nova vítima de um desses acessórios piratas é o norte-americano Tim Tyrrell, que teve uma queimadura severa na mão apenas por tentar economizar alguns trocados.

Tyrrell estava em busca de um segundo carregador para o iPhone e comprou um pacote no eBay por US$ 10 que vinha com dois modelos e um acessório para o carro. Uma "mini explosão" teria acontecido no momento em que ele plugou o aparelho na tomada.

A queimadura produzida pela descarga elétrica destruiu a tomada, o carregador pirata e feriu gravemente a mão do rapaz. Para piorar as coisas, a infecção espalhou-se e, por Tyrrell ser diabético, a recuperação foi bem mais lenta do que o normal. Ele precisou ficar internado por vários dias no hospital e realizar uma cirurgia.

Em 2013, carregadores falsos fizeram duas vítimas na China e uma notícia de um iPad que explodiu também ganhou as manchetes. A Apple começou a realizar um sistema de trocas pelos acessórios originais por um preço reduzido, mas parece que o mercado alternativo ainda tem bastante força em vários países.

Cupons de desconto TecMundo: