O Apple Pay não vem sendo utilizado em grande escala nos Estados Unidos. De fato, uma pesquisa publicada pela VB News no início deste ano revelou que apenas 6% dos donos de um iPhone 6 tinham utilizado o sistema para efetivar um pagamento.

Apesar disso, a Apple obviamente não vai desistir tão facilmente do seu projeto e já está estudando parcerias com outros bancos para expandir o seu sistema de pagamentos via NFC. Conforme publicado pelo The Wall Street Journal, a empresa de Cupertino está negociando com várias instituições financeiras do Canadá, como National Bank of Canada, Royal Bank of Canada, Canadian Imperial Bank of Commerce, Toronto-Dominion Bank, Bank of Nova Scotia, e Bank of Montreal.

Embora as negociações possam demorar alguns meses, é esperado que alguns bancos estejam operando com o Apple Pay para o outono do hemisfério norte. Se tudo der certo, o Canadá será o primeiro país – além dos Estados Unidos – a ganhar compatibilidade com o sistema.

Aqui no Brasil, o serviço pode chegar pelas mãos do Itaú e Bradesco. Como 80% das maquininhas de cartão da rede Cielo já são compatíveis com NFC, é possível que o nosso país esteja na lista para receber o Apple Pay. Contudo, é importante relembrar que não há nenhuma data nem posicionando oficial da Apple a respeito do rumor.

Cupons de desconto TecMundo: