(Fonte da imagem: Divulgação/Google)

O Android 4.1 Jelly Bean está chegando, mas o consumidor em geral está bastante satisfeito com a versão atual, a Ice Cream Sandwich. Considerado simples e dinâmico, o sistema operacional móvel da Google parece feito para rodar em qualquer celular – mas as grandes fabricantes insistem em fazer modificações próprias, as chamadas skins.

Mas qual a empresa que faz a melhor alteração no Android? Para tentar chegar a alguma conclusão, o Gizmodo resolveu comparar três empresas e analisou o visual de vários aplicativos, telas e funções de aparelhos da HTC (imagens à esquerda), Motorola (centro) e Samsung (direita).

Tela inicial

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

As três marcas têm uma linha inferior com quatro ícones considerados essenciais (porém personalizáveis). Há ainda o suporte para widgets e troca de plano de fundo – e até nenhuma grande diferença. Mas a Samsung coloca o ícone dos Apps no canto direito, em vez do centro. Já a Motorola não permite a visualização de todas as telas.

Tela de descanso

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

Todas as três marcas oferecem acesso rápido a certos serviços, fora o uso do player de músicas sem precisar da senha. O destravamento da HTC não é muito intuitivo: é preciso levar o ícone “Unlock” até o centro do display. Já os outros atalhos podem ser bastante úteis para acessos rápidos. A Motorola não deixa você escolher quais aplicativos colocar nessa tela – enquanto a Samsung dificulta ao máximo esse processo, perdendo ainda por facilitar um pouco os destravamentos feitos sem querer.

Tela de aplicativos

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

A janela que mostra todos os aplicativos presente tem diferenças sutis: a HTC não mostra os widgets junto com os apps, a Motorola não fez modificações em relação ao Android original e a Samsung mostra menos opções por tela, além de não ter o ícone do Google Play.

Agenda de contatos

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

A janela da HTC é branca demais e não tem um atalho para contatos favoritos. A da Motorola não tem um atalho para o discador. A Samsung — sem problemas aqui — ainda disca automaticamente quando você está com o perfil de alguém aberto e levanta o celular na direção do ouvido.

Discador

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

Sem segredos: os botões da HTC são menores e a Motorola não tem um atalho para voltar aos contatos. Pelos mesmos motivos acima, a Samsung não apresenta pontos negativos no discador.

Aplicativo da câmera

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

A HTC tem a melhor interface aqui, com uma câmera intuitiva e fácil de usar, além de altamente personalizável. O aplicativo da Motorola tem mais botões e pode levar algum tempo para que o consumidor se acostume com tudo, mas também é de fácil utilização. A da Samsung, que tem um bom layout, falha ao apresentar menus de navegação menos dinâmicos.

Calendário

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

O calendário da HTC é, de longe, a pior opção: a visão mensal não mostra detalhes das datas e não há como visualizar as semanas sem antes achar a opção nas configurações. O da Motorola é fácil de navegar e configurar. Já o da Samsung, apesar do visual mais rústico, é mais completo e o que melhor mostra informações individuais, além de usar melhor a tela inteira.

Notificações

(Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

HTC e Motorola são praticamente iguais, mostrando pequenos avisos organizados em linha com um pequeno ícone de diferenciação. Já a Samsung conta ainda com uma opção que permite a ativação de algumas opções como Wi-Fi, GPS e rotação da tela.

Veredito

O resultado final do site é que é o gosto do consumidor que deve falar mais alto, já que as três modificações têm qualidade. A HTC aposta na intuitividade, a Samsung em funcionalidade e a Motorola na simplicidade, restando a você escolher o que mais for a sua cara.

Fonte: Gizmodo

Cupons de desconto TecMundo: