Depois de uma batalha judicial que levou cerca de três anos, a Amazon e a FTC (Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos) chegaram a um acordo. O motivo da batalha é simples: um grande número de consumidores abriu reclamações contra a empresa por causa de compras feitas por seus filhos, sem a autorização expressa deles.

Para esses pais, o aplicativo da Amazon permitia compras muito facilmente. Com o acordo, a Amazon vai reembolsar cerca de US$ 70 milhões aos consumidores. Segundo Thomas B. Pahl (diretor da FTC, responsável pelo escritório de defesa do consumidor): "Eles serão compensados por débitos que não esperavam ou não autorizaram".

Consumidores dos Estados Unidos que tiveram compras feitas indevidamente entre novembro de 2011 e maio de 2016 vão receber detalhes do sistema de reembolso em breve.

Casos de crianças fazendo compras em apps de seus pais não são inéditos — como você pode ver aqui, aqui ou aqui. Fica a dica para quem tem filhos: é melhor manter o cartão longe do "comprar com 1 clique".

Cupons de desconto TecMundo: