Os smartwatches são os relógios de pulso mais modernos que encontramos atualmente, mas isso não significa que o mercado fechou para modelos mais personalizados, criativos e que chamam a atenção sem um sistema operacional e uma sensível ao toque.

O Azimuth SP-1 Crazy Rider é um desses dispositivos. O relógio é inspirado no filme "Easy Rider — Sem Destino", com Peter Fonda e Dennis Hopper, e consegue captar muito bem o espírito dos motociclistas que atravessam estradas dos Estados Undios.

A forma assimétrica do relógio lembra o motor de uma moto e, no centro, uma corrente de transmissão no lugar dos ponteiros é a responsável por indicar o horário. Já a organização e o visual dos números lembram um velocímetro.

As horas são indicadas pelo pequeno ponteiro que fica acoplado na corrente. Já os minutos são exibidos por um pino na roda da direita que segue os números pintados em branco. O modelo é grande (55 mm) e ainda usa uma pulseira de couro para ampliar o ar de motoqueiro da peça. Ele é impermeável para até 30 metros de profundidade.

O SP-1 Crazy Rider será vendido de forma limitada: só 100 unidades serão produzidas e cada uma custa o equivalente a R$ 20,9 mil.

Você prefere um smartwatch ou um relógio de pulso tradicional estiloso? Comente no Fórum do TecMundo