As vendas virtuais vêm crescendo bastante no Brasil nos últimos anos. De acordo com o Shopify, a escolha de prateleiras online tem sido cada vez mais comum e isso deve ficar ainda mais evidente nos novos cenários de crise econômica do Brasil. E quando observamos o balanço comercial do e-commerce em 2015, vemos que há boas perspectivas para o futuro nesse segmento.

Ainda de acordo com a mesma fonte, "em 2015 os 50 maiores sites de vendas online do Brasil faturaram 86% do seu total de vendas, pela internet. Dessa forma, apenas, 14% ficaram com as vendas em lojas físicas. Para mostrar ainda mais informações sobre o comércio eletrônico, eles ainda prepararam um infográfico bem legal com os dados mais relevantes de 2015.

Vale dizer também que há uma série de constatações bem interessantes. O material mostra que vestuário (roupas e acessórios) ainda é o líder nacional em procura dos consumidores, sendo que eletrodométicos aparece na segunda posição e o setor de telefonia completa o pódio. Também é mostrado que as mulheres são maioria dos consumidores, com 51,01% das compras.

Você pode conferir tudo isso no infográfico que está no topo desta maatéria. Ele ainda traz demonstrações sobre a proporção de compras em sites brasileiros e internacionais, dá dicas de como fazer para evitar que consumidores desistam de compras e também alguns truques para quem quer aproveitar 2016 para vender ainda melhor.

Você costuma comprar pelo comércio eletrônico? Comente no Fórum do TecMundo