Com o tão dito “mundo conectado”, onde todos vivem na correria, vidrados em smartphones e redes sociais, o convívio “humano”, aquele tradicional, com conversas e contato físico, tem ficado cada vez mais distante. Pensando nisso, a pulseira inteligente Soul, da Concept, quer trazer uma solução simples e humanística: monitorar o tempo que você gasta com aqueles que ama e, assim, criar relatórios que sugerem o que você pode fazer para melhorar. O produto foi mostrado na CES 2016, em Las Vegas (EUA), onde o TecMundo está presente.

O acessório em si é muito simples e se assemelha à maioria das smartbands que existem no mercado. Trata-se de uma pulseira preta e prateada, que segue o padrão estético de sua categoria. O chamariz é o software do item vestível. O app do Soul mantém abas em outros Souls que você encontra por aí, registrando quanto tempo você gasta com as pessoas que fazem parte da sua vida. Após esse cálculo, o app cria uma espécie de relatório que “estuda” o usuário e sugere o que você deve fazer com base nisso.

Então todo mundo tem que ter essa pulseira para funcionar?

Não necessariamente. É aí que mora a parte legal do mecanismo: você não precisa persuadir todas as pessoas do seu círculo de amizades e da família a comprar o Soul. Haverá um app gratuito para iOS e Android que executa a mesma função, exigindo apenas que o Bluetooth esteja ativado.

A pulseira inteligente sairá a um bom preço: US$ 30 através do Indiegogo. A empresa espera acionar a campanha até o final deste mês. Clique aqui para ser direcionado ao site da Concept, startup por trás do Soul, e conhecer mais sobre o portfólio da equipe.

Humano o intuito do acessório vestível, não é mesmo? Aguardemos o lançamento e torçamos para que a campanha no site de arrecadação de fundos seja bem-sucedida.

O que você acha da ideia de um acessório vestível que fortalece as relações entre humanos? Comente no Fórum do TecMundo.