O ano de 2010 marcou a consagração definitiva de um novo formato de vídeos no YouTube: os vlogs. Tratam-se de vídeos em que um usuário comum, como eu ou você, fala diante da câmera sobre tudo aquilo que pensa. A novidade caiu no gosto do brasileiro e a cada dia surgem novidades.

Alguns, no entanto, com uma edição um pouco mais caprichada e um conteúdo polêmico e divertido se destacaram, tornando-se celebridades no mundo da web. Vlogueiros como PC Siqueira e Felipe Neto foram além e constantemente podem ser vistos em jornais, revistas e programas de TV.

Selecionamos alguns dos mais conhecidos e divertidos para você conhecer. Quem sabe eles não sirvam de inspiração para vídeos seus e você se torne a mais nova estrela da web!

Mas poxa vida - PC Siqueira

É muito difícil falar em pioneirismo em se tratando de vídeos pessoais, no entanto, um dos primeiros a ter sucesso e se destacar entre os vlogueiros foi o paulista PC Siqueira. Natural de Guarulhos (SP), aos 24 anos é hoje um dos vlogueiros mais acessados e comentados do YouTube. Seus vídeos podem ser visto no canal “Mas Poxa Vida”.

A simplicidade com que aborda temas variados, que vão desde religião, futebol, música a fatos corriqueiros do dia a dia conquistaram os usuários. Seu canal no YouTube já teve mais de 17 milhões de visualizações e no Twitter meio milhão de pessoas seguem os seus comentários.

Não Faz Sentido - Felipe Neto

O carioca Felipe Neto esteve entre os assuntos mais comentados na web em 2010. Seus vídeos se caracterizam muito mais pela maneira polêmica com que questiona os assuntos da moda do que pelo fato de serem engraçados. Entretanto, poucos vídeos foram suficientes para lançá-lo à fama na rede.

Seu canal no YouTube é o “Não Faz Sentido” e já ultrapassou a marca de 15 milhões de visualizações. Sua popularidade no Twitter é ainda maior e o jovem de 22 anos está perto de alcançar 1 milhão de seguidores. Críticas à série Crepúsculo, às bandas “emo” e discussões com o cantor Fiuk foram alguns dos momentos mais populares de sua carreira.

Desce a Letra - Cauê Moura

Na mesma linha de Felipe Neto, Cauê Moura criou o vlog “Desce a Letra”. As exibições do canal já passam de 3 milhões. Além dos assuntos comentados pelo autor diante da câmera, Cauê ainda produz vídeos musicais e esquetes de humor.

Polêmicas, críticas políticas e temas cotidianos como comidas fast food ou transporte coletivo são alguns temas abordados pelo jovem que também tem milhares de seguidores no Twitter. Aliás, uma coisa em comum entre a maioria deles é o sucesso junto aos usuários do microblog.

Anon1mo da TP

Anôn1mo da TP

Fonte da imagem: reprodução Youtube

De todos os o vlogs que listamos aqui, o “Anôn1mo da TP” é um dos mais curiosos. Trata-se de um rapaz que não se identifica em momento algum, mas mostra um pouco do seu dia a dia comentando assuntos cotidianos e banalidades em sua residência.

Bem-humorado, o “Anôn1mo da TP” conquistou também um grande público no YouTube e é a prova de que não é preciso muito conhecimento em edição para colocar um programa no ar. Seus cortes são extremamente simples, com outros vídeos ilustrando as suas piadas. Apaixonado por jogos, os games são assunto constante em seus vídeos.

Com a Palavra - Ronald Rios