Quando se fala em dispositivos vestíveis, o primeiro que vem à cabeça de muita gente é o famoso smartwatch da Apple ou então um dos relógios inteligentes da Samsung, Motorola ouLG. Entretanto, apesar de chamarem bastante a atenção, essas marcas passam longe do pódio quando o mercado é avaliado como um todo.

Segundo dados publicados pelo site IDC, a chinesa Xiaomi atualmente possui 24,6% do mercado de “wearables”, ficando apenas atrás da famosa Fitbit, que possui 34,2%. A Xiaomi, que tinha 0% de participação em 2014, decolou este ano com sua pulseira Mi Band, de apenas US$ 14,99 (quase R$ 50, em conversão sem impostos).

Outras marcas prestigiadas, como Garmin, Samsung e Jawbone amargam participações mais limitadas de 6,1%, 5,3% e 4,4%, respectivamente. Apesar disso, ainda é cedo para tirar conclusões, afinal, o Apple Watch deve aparecer nos gráficos do próximo semestre e o mercado ainda está absorvendo vários projetos recentes de sucesso, como o Pebble Time.

Cupons de desconto TecMundo: