Uma notícia bem triste foi revelada pelo cientista-chefe da área de games da AMD, Richard Huddy. Durante uma palestra, ele avisou que o Windows 7 não será compatível com o DirectX 12, próxima versão da API gráfica que promete revolucionar o visual e o processamento dos games.

A revelação deve pegar muita gente de surpresa — afinal, o Windows 7 ainda é a versão mais popular do sistema operacional da Microsoft. Em uma das últimas pesquisas do Net Applications, ele aparece com cerca de 52% do mercado geral da área. O segundo lugar ainda é o Windows XP, com 23%.

O problema é que a fabricante está disposta a fazer com que a base de usuários faça a atualização para o Windows 10, que será lançado junto com o DirectX, ou ao menos para o Windows 8, que não conquistou a popularidade esperada. E vale tudo nesse jogo, como é possível notar por essa estratégia — não ficou claro se a ausência é por decisão da companhia ou por incompatibilidade técnica.

Vale lembrar ainda que o Windows 7 perderá o suporte base já em janeiro de 2015, o que significa o início do fim do sistema operacional. O DirectX 12 promete um consumo de energia 50% menor em relação à versão anterior, ao mesmo tempo em que deve expandir o processamento gráfico.

Cupons de desconto TecMundo: