Em outubro do ano passado, pintou aqui no TecMundo a notícia de que a LG estaria pensando em lançar um smartwatch equipado com o WebOS como sistema operacional. Apesar de estranha, a informação foi “praticamente confirmada” por causa de um site flertando com essa ideia que ficou no ar por bem pouco tempo.

A estranheza, a princípio, veio do fato de a companhia já ter lançado dois relógios inteligentes equipados com o Android Wear, SO da Google para esse tipo de dispositivo. Porém, segundo algumas fontes do jornal The Wall Street Journal, a LG já estaria trabalhando em uma plataforma móvel (baseado no WebOS) sobre a qual poderia ter mais controle e planos de lançá-la em um smartwatch já em 2016.

WebOS para todos os lados?

Já equipando uma série de televisores da sul-coreana, esse “imortal” SO está nas mãos da LG para ela fazer o que quiser. E ela já parece ter um bom plano para ele: “Nós vamos tentar lentamente construir um (software) ecossistema em torno de áreas sobre as quais podemos ter mais controle” revelou à fonte. A iniciativa no segmento de Smart TVs é a prova disso.

Tendo isso em mente, é mais do que natural pensar que a LG pense em adotar esse SO (quando ele estiver pronto) para outras plataformas – como smartwatches, tablets e até mesmo smartphones. Porém, uma notícia de que uma nova versão do relógio inteligente da companhia ainda estaria usando o Android Wear contrasta com o que foi revelado. Ou será que o WebOS ainda está reservado para uma versão futura?

Cupons de desconto TecMundo: