É sabido que hoje em dia as versões dos softwares têm vida curta. Podemos fazer uma comparação do veterano Internet Explorer com o bebê Google Chrome. A sexta versão do navegador da Microsoft durou quase dez anos, em contrapartida ao Chrome, que ainda engatinha para conquistar os usuários, mas já está em sua quarta versão.

O velhaco ainda bate uma bolinha

O Internet Explorer 6 sobreviveu até demais para o atual passo em que a tecnologia evolui. Até hoje, pasme, 20% dos usuários de internet do mundo ainda mantém o IE6 como navegador principal e muitos deles são do meio corporativo. Isso acontece porque as empresas ainda dependem de software antigo, incluindo o Internet Explorer 6, para manterem seus sistemas funcionando.

No caso dos usuários, a atualização para a versão 8 tem sido fortemente recomendada pela Microsoft e outras empresas, pois a maioria dos gigantes da internet atualizará seus serviços e páginas para suportar as novas tecnologias já disponíveis e algumas ainda em desenvolvimento, como o HTML5.

O Google se adianta

O Google, por exemplo, tem anunciado em diversos de seus sites que em março o suporte ao IE6 será completamente extinto. Isso não quer dizer que os usuários da versão não poderão mais entrar em qualquer site. Pelo contrário, poderão continuar visitando a internet normalmente, mas terão sérios problemas para visualizar as páginas desenvolvidas para os navegadores mais modernos.

Aviso no YouTube sobre a descontinuação do suporte.

O YouTube terá novos recursos inaugurados em 2010 que não são suportados pelo IE6. Por isso, o Google tem avisado nas páginas do serviço de vídeos que no dia 13 de março, o suporte ao IE6 será completamente abandonado e os novos recursos simplesmente ignorarão a existência dessa versão.

Na mesma página, são oferecidas opções para que o usuário baixe as versões mais recentes dos navegadores mais difundidos da atualidade, que são: Google Chrome 4, Mozilla Firefox 3.6, Microsoft Internet Explorer 8, Opera 10 e Safari 4.

Vai ter até velório

Descanse em paz,  Internet Explorer 6Algumas pessoas que se assumem nerds, ou fãs do navegador que está com seus dias contados, lançaram até um site para marcar encontro entre os atuais usuários do IE6 que sentirão saudades dessa versão.

Trata-se do “Funeral do IE6” (em inglês), que marcou para o dia 7 de março um encontro para que todos os presentes se despeçam do browser em um velório simbólico. Apesar de aparentemente ser um evento independente do Google, o velório coincide com o mês em que a empresa abandonará o suporte ao “defunto”.

Responsáveis ou não pelo evento, o pessoal do Google é sempre referência quando se fala em web e, portanto, se eles estão abandonando a versão 6 do browser da Microsoft, convém que todo mundo faça o mesmo, já que atualmente o Google está ditando tendências.

Não sei qual é a minha versão

Se você não sabe qual é a versão do Internet Explorer instalada em seu computador, mas tem vergonha de perguntar, fique tranquilo, pois o Baixaki dá a dica:

1. Abra o Internet Explorer normalmente, como se fosse navegar na internet.

2. Clique no menu “Ajuda” e depois na opção “Sobre o Internet Explorer”.

3. Será exibida uma janela como a demonstrada abaixo. O primeiro número dessa versão deverá ser 6. Se for, continue lendo o artigo para saber o que fazer.

Como ver se o seu IE é o 6

Ó céus! O que eu faço agora?

O maior problema em atualizar a versão do Internet Explorer para a mais recente é que ela é extremamente pesada, tornando inviável a utilização por máquinas mais antigas, que ainda povoam grande parte da casa dos brasileiros.

Sendo assim, se você é usuário do Internet Explorer e não quer trocar de navegador, sua única opção é rezar para que as páginas que você utiliza não sejam atualizadas para serem visualizadas em navegadores modernos.

Por outro lado, caso você seja uma pessoa mais versátil e se sinta confortável em aprender a usar novos programas, o Baixaki recomenda que você utilize o Google Chrome, devido à sua alta compatibilidade com tecnologias atuais (e algumas que ainda nem foram lançadas), sua extrema leveza e rapidez, além da simplicidade e facilidade de uso, que é imbatível.

*A dica do Google Chrome é baseada em nossos testes, que podem ser verificados no artigo sobre comparação de navegadores. O Google Chrome se saiu melhor na maioria dos testes, ocupando menos memória, sendo executado mais rapidamente e sendo compatível com todas as tecnologias mais atuais da web.

Google Chrome

Apesar de indicarmos o Chrome, isso dependerá da velocidade e idade da máquina que você usa. Por mais que seu PC já tenha alguns anos, outros navegadores, como Opera e Firefox também são ótimas opções, cheias de recursos e mais leves que o Internet Explorer 8. Para quem é dono daquele PC amarelado pelo tempo e pelo uso, com “tijolos” de poeira dentro do gabinete e da fonte, a recomendação continua sendo o Google Chrome.

O Baixaki possui em seu catálogo todos os navegadores mais utilizados, além de alternativas pouco conhecidas. Utilize os programas relacionados na parte inferior do artigo, ou clique no link para ver a categoria de navegadores.

Se você possui um computador tão veterano quanto o Internet Explorer 6, vale a pena fazer a mudança, pois o óbito do IE6 é inevitável acontecerá ainda em 2010, mais cedo do que você imagina.

Cupons de desconto TecMundo: