O evento de anúncio do iPhone 7 foi um show audiovisual que, entre outras coisas, mostrou a parceria entre a Apple e a Nintendo, temperada pela revelação de Super Mario Run. Um dos destaques da ocasião foi a divulgação de Pokémon GO para o Apple Watch, uma combinação que deve dar muito certo. A comunidade Android também aguarda novidades para o lado dela, e, de acordo com o CEO da Niantic, John Hanke, uma versão do game de caçar monstrinhos para dispositivos vestíveis com o sistema é “provável”.

A parceria com a Apple dá exclusividade temporária a esses conteúdos da Nintendo. Portanto, a tendência é que tudo chegue ao sistema operacional da Google também, só que um tempo depois. “Acho que é bem provável, sim”, respondeu o executivo ao ser questionado sobre o assunto.

Quanto será que a Apple desembolsou pela exclusividade temporária?

É claro que a Maçã não divulgou, e dificilmente o fará, o montante desembolsado pela negociata com a exclusividade temporária de conteúdos da Nintendo. Super Mario Run foi apresentado por ninguém menos que Shigeru Miyamoto no palco, o criador do personagem, e chegará primeiramente ao iOS.

Há um monte de vestíveis Android disponíveis no mercado

Depois, foi a vez de Pokémon GO voltar aos holofotes com uma versão anunciada para Apple Watch, mas isso também é temporário. Há uma batelada de novos dispositivos vestíveis com sistema Android previstos para o fim deste ano, o que deve chacoalhar ainda mais esse cenário – quem sabe o CEO da Niantic já não tenha essa informação na ponta da língua e só aguarda o momento certo para fazer o anúncio oficial?

Enfim, são apenas especulações. O que você acha? Conte para nós na seção destinada aos comentários, logo abaixo.

Cupons de desconto TecMundo: