Need for Speed: top 10 melhores músicas da franquia

5 min de leitura
Imagem de: Need for Speed: top 10 melhores músicas da franquia
Imagem: Electronic Arts

Need for Speed é uma das franquias de jogos eletrônicos de corrida mais bem-sucedidas. São mais de 25 anos de existência, inúmeros títulos e até uma adaptação cinematográfica. Como toda série que se preze, a trilha sonora de NFS também está marcada no imaginário coletivo dos gamers.

Não foram poucas as bandas ou artistas solos que tiveram suas carreiras alavancadas ou mesmo algumas canções eternizadas como símbolo da energia voraz que é marca da série. Confira uma lista com as 10 melhores músicas da história do jogo, mas fique atento: alerta de gatilho para players saudosistas.

10. "Surface", Aero Chord (Need for Speed [2015])

Em 2015, a Electronic Arts decidiu que era necessário fazer um reboot na franquia. Era uma tentativa de dar ar fresco à série de jogos, permitindo ao jogador contar com as principais características que marcaram a franquia NFS. Desse marco, "Surface" é a melhor lembrança.

Produzida pelo grego Aero Chord, um produtor de trap eletrônico conhecido por seu trabalho no gênero, "Surface" ficou muito popular — no YouTube, cada versão da música supera facilmente os milhões de visualizações.

9. "Naked and Ashamed", Dylan Rhymes (NFS IV: High Stakes)

Need for Speed IV: High Stakes foi o primeiro título da franquia em que as faixas da trilha sonora não eram associadas a pistas específicas. Rom di Prisco e Saki Kaskas seguiram sendo os principais produtores, mas Dylan Rhymes colocou seu nome por ali também. Rhymes foi nome importante do tech-funk, gênero alternativo que teve fama nos anos 1990.

A maior curiosidade é que Dylan conseguiu um feito até então inédito: emplacou uma mesma música em dois games muito famosos: além de NFS, "Naked and Ashamed" esteve na trilha sonora de FIFA 99.

8. "I Need Speed", Capone (NFS: Underground 2)

Capone é um rapper que foi bastante conhecido pelo duo Capone-N-Noreaga. Renomado pelo estilo bem característico da Costa Leste, o subgênero do rap surgido no Bronx, em Nova York, ele enfrentou alguns bom percalços na vida, como algumas prisões.

Em carreira solo, gravou "I Need Speed", single exclusivo para Underground 2, que teve grande destaque no game. Apesar do sucesso e da canção marcante, a carreira dele entrou em declínio desde então.

7. "Lean Back", Terror Squad (NFS: Underground 2)

O Terror Squad foi um coletivo de hip hop do Bronx, em Nova York. Encerrado em 2006, o grande destaque da carreira do grupo foi "Lean Back", que esteve na trilha sonora de NFS: Underground 2.

Foi uma mescla entre o estilo gangsta da Costa Leste e a nova pegada R&B que marcou época no início dos anos 2000. O game ajudou a banda a ter em "Lean Back" o maior sucesso de sua curta carreira, chegando ao primeiro lugar do Top 100 da Billboard.

6. "Need For Speed", Petey Pablo (Need for Speed: Underground)

Petey Pablo foi um rapper muito conhecido no início deste século, seja pelos crimes cometidos, pela amizade com Busta Rhymes ou pelo seu super hit "Freek-a-Leek". Seu primeiro álbum perdeu o Grammy para The Eminem Show, do rapper Eminem, em 2003.

Em contrapartida, ele garantiu um contrato para compor um rap para Need for Speed: Underground. Foi daí que saiu essa canção marcante da franquia, a única que leva no título o nome do próprio jogo.

5. "Riders on the Storm", Snoop Dogg & The Doors (NFS: Underground 2)

The Doors é uma banda muito influente, tão marcante que nem mesmo o rapper Snoop Dogg conseguiu escapar da psicodelia da banda liderada por Jim Morrison. Mas a versão de "Riders on the Storm", uma música super brisada, foi um pedido exclusivo da produtora do jogo.

Em NFS: Underground 2, Snoop Dogg apareceu cantando a música do The Doors que melhor conceberia o que significa jogar a popular franquia de corrida de carros. E deu tão certo que o rapper viu sua carreira ganhar novo fôlego.

4. "Going Down on It", Hot Action Cop (NFS: Hot Pursuit 2)

Tem muita gente que é saudosa de Hot Pursuit 2, o último título da franquia a manter o ideal original do game. E não somos nós que estamos falando, a própria Electronic Arts sabia do valor, tanto que lançou uma sequência oito anos depois.

Contudo, é só no jogo de 2002 que encontramos "Going Down on It", um nu-metal da banda norte-americana Hot Action Cop — ou uma tentativa de funk metal? O lance é que a música era a preferida dos players e ajudou a alavancar a carreira do grupo, ainda que eles não tenham durado tanto tempo assim.

3. "Fired Up", Hush (Need for Speed: Most Wanted [2005])

Conhecido pela mescla de rap e rock muito antes da MTV tentar emplacar o nu-metal no início dos anos 2000, Hush vinha de Detroit, da mesma turma que Eminem. O rapper já tinha sucesso, tanto pelo talento como pelos bons contatos. Porém, quando "Fired Up" entrou para a trilha sonora de Need for Speed: Most Wanted, o mundo deu uma pirueta.

Ela logo atingiu milhões de visualizações no YouTube e demais plataformas onde era possível encontrá-la. O azar do músico foi a decadência do nu-metal, que fez muita gente torcer o nariz pra união do rap com rock. Segue ativo, mas sem emplacar outra música como "Fired Up".

2. "Nine Thou", Styles of Beyond (NFS: Most Wanted [2005])

Como dissemos na posição anterior, o nu-metal estava com tudo quando Most Wanted foi lançado, o que ajudou a banda californiana Styles of Beyond emplacar "Nine Thou" na trilha sonora do game.

Sejamos sinceros, todo mundo que viveu a fundo a franquia deu play na música e concordou conosco: era impossível "Nine Thou" não estar no pódio. Ela tinha a energia da época e mantinha todo mundo acesso para passar horas na frente do videogame.

1. "Get Low", Lil Jon, Ying Yang Twins & The East Side Boyz (Need for Speed: Underground)

Não existia possibilidade de "Get Low" estar fora do primeiro lugar desta lista. A música retrata Underground como poucos, também é retrato do novo avanço do hip hop sobre as paradas de sucesso. Jogos como Need for Speed ajudaram o gênero a se consolidar em jovens.

"Get Low" é, acima de tudo, a celebração de uma franquia de jogos de corrida muito bem-sucedida e a demonstração do talento de Lil Jon não apenas como rapper, mas um produtor importantíssimo da música pop norte-americana.

Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.