Código de GTA Trilogy inclui mini-game sexual e músicas cortadas

1 min de leitura
Imagem de: Código de GTA Trilogy inclui mini-game sexual e músicas cortadas
Imagem: Rockstar Games
Avatar do autor

Programadores e especialistas em mineração de dados encontraram pistas de conteúdos escondidos ou bloqueados na edição definitiva de Grand Theft Auto: San Andreas, remasterização que faz parte da bastante criticada e recém-lançada GTA Trilogy.

Uma das descobertas está relacionada ao catálogo de músicas do game: como várias licenças de utilização de canções expiraram, já que o título original é de 2004, uma série de sucessos foi retirada dessa nova versão.

Entretanto, como indica o usuário @Ash_735 no Twitter, os arquivos de áudio ainda estão lá — porém travados por um script que impede a execução no jogo. Os dados estão no formato OGG-VORBIS. Isso possivelmente significa que a Rockstar Games preferiu apenas adicionar uma "trava" em forma de comando em vez de apagar os arquivos da base original de San Andreas.

Mini-game quente

A outra descoberta nos códigos de GTA: San Andreas é também a mais controversa. Aparentemente, ainda há no game remasterizado alguns resquícios de dados do polêmico mini-game "Hot Coffee".

A fase foi descoberta em 2005 e, apesar de desabilitada por script, estava completa nos códigos do jogo. Ela incluía cenas de sexo explícito entre CJ e suas namoradas, inclusive com arquivos de áudio, jogabilidade envolvendo movimentos sexuais e até uma barra com o nível de "excitação" durante o ato.

Processadas nos Estados Unidos após um pânico moral, a distribuidora Take-Two e a Rockstar Games pagaram US$ 20 milhões em um acordo judicial, já que esse conteúdo feria a classificação indicativa do jogo e poderia ser acessado por crianças.

Em entrevista ao Kotaku, o responsável por encontrar o código afirmou que isso não significa que "Hot Coffee" seja jogável, já que faltam muitos dos elementos gráficos para essas cenas. Ainda assim, a mera presença dos códigos já pode gerar ainda mais dor de cabeça para a marca.

Vale lembrar que, embora a Rockstar Games não tenha detalhado o que aconteceu, os jogos para PC da GTA Trilogy foram momentaneamente tirados das lojas virtuais por conterem "arquivos mantidos sem intenção" no código. É possível que esse seja o caso de um ou de ambos os casos relatados nesta matéria.

Fontes