Quando os seres humanos viram a primeira fotografia do seu planeta feita a partir do espaço, houve uma comoção mundial em volta do assunto. Era realmente um marco para a humanidade. Na época, entretanto, satélites e ônibus espaciais não eram equipados com as boas câmeras que temos hoje, nem nosso poder de processamento conseguia renderizar vídeos em altíssimas resoluções. Por isso, só agora temos as primeiras imagens em 4K mostrando a Terra.

Essas imagens foram feitas em 2011, mas só foram divulgadas agora porque não havia muitas possibilidades de publicar vídeos em 4K na internet capenga que tínhamos há alguns anos. O vídeo que você assistiu acima foi produzido por James Tyrwhitt-Drake a partir de diversas fotografias capturadas pelo satélite geoestacionário Elektro-L, que permanece a 40 mil km acima do Oceano Índico. As capturas foram realizadas a cada 30 minutos entre 15 e 19 de maio de 2011.

Edição

Tyrwhitt-Drake editou as fotografias tiradas a impressionantes 121 MP (11136x11136) para corrigir os problemas de cor causados pelas distorções da luz solar. Ele também reduziu o vídeo para 4K (3840x2160) para a publicação no YouTube, mas existe uma versão em 5K (5568x5568) que ele disponibiliza para quem pedir.

Luzes das cidades da região mostrada não aparecem porque a câmera do satélite foi desenvolvida para não ser tão sensível assim. De outra fora, fotos diurnas do planeta seriam apenas um borrão esbranquiçado. Não há estrelas e nem o próprio Sol nas imagens pelo fato de haver um filtro circular no sensor do satélite que permite a captura somente da Terra.

Cupons de desconto TecMundo: