Os rumores a respeito do desenvolvimento de um celular com tela flexível por parte da Samsung já circulam pela web – e nos bastidores da indústria – por um bom tempo. Já vimos indícios do projeto lá em 2015 e neste ano pudemos conferir algumas patentes da sul-coreana que apontam para um lançamento próximo desse tipo de aparelho. Agora, um novo relato mostra que a fabricante pode ter uma estratégia devidamente desenhada para testar a recepção do público a um produto desses: através de uma versão simplificada da tecnologia.

Enquanto os displays com bordas arredondadas começam a se popularizar entre os consumidores e as empresas – graças principalmente às apostas da Samsung com a linha Edge –, as telas dobráveis ou flexíveis ainda são componentes em pleno desenvolvimento e, como toda novidade, caras. Assim, para levar a empreitada adiante de forma mais segura – principalmente depois do lançamento catastrófico do Galaxy Note 7 –, a companhia pode acabar colocando no mercado um dispositivo com telas gêmeas.

A tecnologia e os aparelhos devem evoluir pouco a pouco

Esse aparelho deve apostar no formato dual display

Segundo informações obtidas por um portal de notícias da Coreia do Sul, esse aparelho que vai fazer a ponte entre os dispositivos atuais da casa e os futuros brinquedinhos da marca deve apostar no formato dual display, com duas telas separadas que ficam posicionadas uma contra a outra quando o gadget está fechado. No entanto, basta abrir o celular para que ambas as partes formem uma única e ampla área de interação. A ideia é que esse item seja produzido em pequenas quantidades e, muito provavelmente, vendido apenas em locais seletos.

As fontes próximas à empresa afirmam ainda que, dependendo da aceitação dessa espécie de protótipo, a fabricante já pensa em seu sucessor: um smartphone com um display realmente flexível e em uma só peça que também fica protegida quando o “livrinho” está fechado. Eventualmente, a tecnologia pode ser expandida para uma unidade ainda maior que se desdobra até a parte frontal do produto, ocupando também sua “capa”.

Os displays flexíveis já existem, mas são pouco viáveis comercialmente

Notícias muito em breve?

Tudo indica que não vamos precisar esperar muito para saber um pouco mais sobre esse projeto ousado da Samsung, uma vez que a expectativa é que ele seja anunciado no primeiro grande evento de tecnologia de 2017: a Consumer Electronics Show (CES). Isso daria tempo para que a novidade não tirasse o brilho de outro grande anúncio da empresa para o ano, que é a revelação do aguardado Galaxy S8 – previsto para o Mobile World Congress (MWC), em fevereiro.

E aí, você gostaria de experimentar um dispositivo mobile com um formato bem diferente do convencional? Deixe o seu comentário mais abaixo e não se esqueça de acompanhar a cobertura completa da CES 2017 pelo TecMundo.

Cupons de desconto TecMundo: