(Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

Mais uma revelação bombástica sobre a vida de Steve Jobs. Depois de vazar as razões que levavam o ex-CEO da Apple a utilizar apenas um tipo de roupa, Walter Isaacson contou à CBS que Jobs poderia estar vivo. Isso porque ele poderia ter passado por uma cirurgia para a retirada do tumor no pâncreas, mas só aceitou ser operado nove meses depois.

O biógrafo conta que Jobs recusou a operação porque não queria que seu corpo fosse aberto, devido a algumas questões espiritualistas. Ele só mudou de ideia quando sua família o pressionou para que aceitasse ajuda médica. Infelizmente já era tarde, pois o câncer havia se espalhado pelo corpo do ex-CEO da Apple.

Trabalhando até o fim

Outra informação nova que surgiu acerca de Jobs está relacionada ao seu “vício” em trabalho. Masayoshi Son (CEO do Softbank) contou ao PCMag que estava visitando a Apple no dia do lançamento do iPhone 4S. Sua conversa com Tim Cook (atual CEO da Apple) foi interrompida por uma ligação de Jobs, que queria falar com Cook sobre futuros lançamentos. No dia 5 de outubro (um dia após o anúncio do novo iPhone), Steve Jobs faleceu.

Cupons de desconto TecMundo: