(Fonte da imagem: Reprodução/Baboo)

A Sony vai deixar de lado, ao menos por enquanto, o mercado de smartphones nos Estados Unidos. Falando à imprensa nesta semana, o CEO da companhia japonesa, Kaz Hirai, afirmou que a divisão mobile da empresa deve manter o foco por enquanto apenas no Japão e na Europa.

Juntas, essas duas regiões representam 60% das vendas de smartphones da empresa. “Nossa maior prioridade é manter nosso mercado no Japão e aumentá-lo. Entrar no mercado norte-americano requer muitos recursos e um grande esforço de marketing, então precisamos dar um passo de cada vez”, explicou. Por conta disso, aparelhos como o Xperia Z e o Xperia Z1 têm pouca procura junto às operadoras de telefonia norte-americanas.

A situação não deixa de ser curiosa. Enquanto a Sony briga palmo a palmo com a LG e a Samsung no campo das especificações técnicas dos aparelhos, em termos de mercado a estratégia adotada pela empresa é bastante similar à da HTC: foco em regiões específicas. Na prática, é como se os smartphones da Sony nem fossem considerados concorrentes no mercado norte-americano.

Cupons de desconto TecMundo: