Unity compra Ziva para criar humanos digitais realistas

1 min de leitura
Imagem de: Unity compra Ziva para criar humanos digitais realistas
Imagem: Unity
Avatar do autor

A Unity, empresa de tecnologia responsável por um dos mais populares motores de animação e desenvolvimento da indústria dos games, anunciou a aquisição da empresa de efeitos digitais Ziva Dynamics. A companhia é especializada na criação de simulações mais sofisticadas, incluindo avatares digitais realistas, além de criação e animação de elementos em tempo real com base em aprendizado de máquina.

O próprio anúncio da compra foi realizado graças a uma tecnologia do estúdio, a personagem digital Emma, que tem 72 mil diferentes expressões corporais e faciais, além de um treinamento de algoritmo com base em 30 TB de dados. A novidade pode ajudar a companhia na briga com a Epic Games, que no ano passado anunciou a tecnologia MetaHuman.

A ideia da Unity é disponibilizar as ferramentas e tecnologias da Ziva para desenvolvedores e artistas interessados, que ganharão acesso a uma plataforma poderosa e intuitiva de animação para jogos, filmes, séries e outras produções. Toda a equipe da empresa, formada por vários vencedores de prêmios no setor por contribuições tecnológicas, agora faz parte da nova dona.

Expansão em andamento

Apesar de pouco conhecida do público, a Ziva é um nome em ascensão nos mercados de games e cinema. Trabalhos da marca foram vistos em produções como Game of Thrones e Godzilla vs. Kong, além de jogos como Spider-Man: Miles Morales e o futuro Senua’s Saga: Hellblade II.

Vale lembrar ainda que essa é a segunda grande compra da Unity em dois meses: em novembro de 2021, ela anunciou a absorção da Weta Digital, empresa de efeitos especiais cofundada pelo diretor Peter Jackson (da trilogia O Senhor dos Aneis) em 1993.

Em agosto do ano passado, a companhia também adquiriu a plataforma de streaming Parsec, em um negócio avaliado em US$ 1, 6 bilhão.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.

Fontes